Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Pão de Centeio

por Moira, em 09.03.09

Depois de ter lido sobre um novo método de fazer pão no blog da Alegna - La Casita Verde e no blog da Manuela - Delícias e Cª, não resisti e logo experimentei fazer pão sem recurso a qualquer tipo de máquina e sem ter que me preocupar se a massa estava a levedar bem ou não.

De repente percebi que tudo o que tinha aprendido sobre pão me parecia agora completamente inútil e imagino o que se poderá por aí dizer sobre este novo método, certo é que funciona e eu já experimentei duas vezes com sucesso, e penso experimentar outro tipo de receitas de massas lêvedas, tipo brioche ou pão de leite, com esta mesma fórmula.

A primeira vez que utilizei este método foi com a receita da Alegna e obtive um pão excelente com um miolo muito idêntico ao do nosso pão de mafra, ficou tão agradável que não deu tempo de ser  fotografado, mas podem ver o aspecto dele nos blogs acima referidos.

Desta vez, e porque sou muito curiosa, utilizei uma mistura de pão de centeio, daquelas que se compram nos supermercados e que só temos que juntar água, misturei a farinha e a água morna com a ajuda de uma colher de pau, mas pode ser com a mão, apenas o tempo suficiente para que o elemento seco esteja todo incorporado, diria que cerca de 5 minutos.

Depois guarda-se essa massa no frigorifico, de um dia para o outro, numa caixa plástica tapada mas com espaço para a massa crescer.

Liga-se o forno a 200º colocando um pouco de água no tabuleiro inferior, com as mãos enfarinhadas dá-se a forma desejada ao pão, fazem-se uns golpes transversais com uma faca afiada e coloca-se num tabuleiro polvilhado com farinha de milho, deixa-se descansar cerca de 40 minutos tapado com um pano. Findo esse tempo vai ao forno quente durante cerca de 30 a 40 minutos consoante o gosto.

O resultado foi este:

Abaixo podem ver um video da receita original ou consultar o blog Artisans Bread in Five Minutes a Day (em inglês)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:00


WOOK - www.wook.pt


6 comentários

De Manuela © a 09.03.2009 às 13:24

Bem, agora ninguém nos consegue parar! Este fim de semana também fiz com mistura de trigo, centeio e trigo integral, mas não ficou assim tostadinho como o teu. Acho que o meu forno (antigo) já não dá muito calor...

Com essa farinha de mistura nem tens de adicionar fermento nem nada. Isso então é que é super rápido!!! Também vou experimentar. Não deixaste a massa descansar 2 horas antes de levares ao frigorífico?

De Moira a 09.03.2009 às 14:15

Fiz a massa e guardei logo no frio. Já da primeira vez tinha feito assim e resultou muito bem. Em relação á farinha de centeio o que notei foi que demorou mais a crescer, mas já percebi como funciona a coisa :)
Ao guardar a massa no frio, ele leveda lentamente de um dia para o outro, quando a tiras cá para fora a diferença de temperatura é tão grande, que ela faz a 2ª levedação muito mais rápido, e a água quente no forno também ajuda a crescer. A minha tia de Coimbra guardava um pouco da massa da broa para utilizar como isco para a broa seguinte, a massa que fazemos e guardamos no frio funciona um bocado como o isco. Estou desejosa de experimentar com a massa de brioche, e com um pão dinamarquez que eu costumo fazer e que leva cenoura ralada. Assim que o fizer logo ponho por aqui.
A família anda toda satisfeita com esta nova fórmula e até as minhas cunhadas já experimentaram, porque não custa nada :)
Bjs
Moira

De Nucha a 09.03.2009 às 14:17

Moira,
Há tempo que ando tentada a fazer pão...acho que é desta!!!
Beijinhos!

De Moira a 09.03.2009 às 14:38

Olá Nucha,
Põe mãos à obra que até uma criança de seis anos é capaz de fazer a massa do pão desta maneira :)
Bjs
Moira

De Anónimo a 11.03.2009 às 21:07

Que grande ideia, fiquei muito contente de ver esta receita, tenho várias embalagens de pão de centeio para gastar mas como só eu é que gosto não tenho feito porque é muito para mim, assim a massa conserva-se vários dias no frigorifico e posso ir utilizando.
Bjos

De Moira a 12.03.2009 às 14:25

Caro Anónimo,
Depois diga-me como correu a experiência.
Bjs
Moira

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Fotos no Flickr




Tradutor





Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D