Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Feliz Dia de Reis

por Moira, em 06.01.11

Quando selecciono várias receitas de uma mesma coisa tenho sempre uma enorme dificuldade em decidir qual delas escolher, mas hoje foi ainda mais difícil. Faria o Bolo Rei da Leonor ou o Bolo Rainha da Margarida ? Optava pelo da Tânia ou pelo da Helena ? A escolha acabou por ser feita um pouco à sorte, quase à laia de miúda da escola primária em que as escolhas são feitas a partir de uma lenga lenga, estilo pim, pam, pum. Ainda se lembram?

Eu sei que sou mulher de tradições, eu sei que o Bolo Rei é um Clássico comercializado desde inícios do séc. XIX em Lisboa pela magnifica Confeitaria Nacional, mas a supremacia feminina falou mais alto e a escolha recaiu no Bolo Rainha. Também era mais fácil passar pelo Pão Doce na Duque d'Ávila, em Lisboa e comprar um logo pela manhã, mas entendi que seria melhor fazê-lo em casa para hoje pela manhã me deliciar com um pequeno almoço majestoso... ...de rainha pois então!

Acabei por fazer o Bolo da Helena, versão para a Bimby / Thermomix com algumas alterações minhas, como há que respeitar os tempos de levedação, e tanto por estar frio como por ter usado menos quantidade de fermento, só a primeira fermentação demorou 2h, o bolo acabou por sair do forno à 1h da manhã, ainda tirei as fotos e só depois fui descansar. Espero que gostem.

Um Feliz Dia de Reis para todos!

Bolo Rainha

Ingredientes

  • 100 g de açúcar amarelo
  • Casca de 1 laranja e de um limão (sem a parte branca)
  • 120 g de leite
  • 70 g de manteiga
  • 1 ovo pequeno
  • 25 g de fermento fresco de padeiro
  • 20 g de sumo de laranja
  • 30 g de aguardente
  • 450 g de farinha (usei Espiga T65)
  • 1 pitada de sal
  • 300 g de frutos secos (usei nozes, amêndoas, passas e pinhões)
  • 1 gema de ovo misturada numa colher de leite para pincelar

Preparação:

Bimby / Thermomix 

Pulverize o açúcar com as cascas dos citrinos, 15 segundos, velocidade 9.

Junte o leite, a manteiga e o fermento e programe 2 minutos/37º/velocidade 3.

Na mesma velocidade, adicione através do bocal, o ovo, o sumo de laranja, a aguardente, depois a farinha aos poucos e finalmente o sal.

Aumente a velocidade até à 9 durante 30 segundos.

Seleccione 3 minutos, velocidade espiga, caso não forme uma bola, polvilhe as paredes com farinha e volte a amassar na velocidade espiga.

Deixe repousar a massa no copo até levantar o copo medida, quando isso acontecer, misture 15 segundos na velocidade 9 e programe 1 minuto, velocidade espiga.

Retire a massa do copo, adicione os frutos secos (deixando alguns para a decoração) e incorpore-os na massa.

Tenda a massa em forma de uma rosca larga e coloque num tabuleiro untado ou com papel vegetal. Decore com os frutos secos restantes, pincele com a gema de ovo, deixe levedar de novo.

Quando tiver duplicado o volume, coloque no forno a 180º por uns 20 a 30 minutos ou até estar cozido.

Nota: para o bolo não fechar no centro, costumo colocar um copo de alumínio, daqueles dos pudins, untado por fora e com um pouco de água dentro.

Convém tapar o bolo com papel de alumínio a meio da cozedura para não ficar demasiado escuro.

Versão Tradicional (Ainda não testada)

Dissolver o fermento no leite morno com um pouco de farinha e deixar levedar até ver que se formam bolhas e o volume aumentou.

Colocar a farinha numa taça grande ou na bancada e fazer um buraco no meio, colocar aí a raspa de uma laranja e de um limão, a manteiga derretida e quase fria, o fermento e os restantes ingredientes excepto os frutos secos e amassar até obter uma massa que se solta das mãos, tapar com um pano e deixar levedar até dobrar o volume.

Amassar de novo para retirar o ar à massa, adicionar os frutos secos, guardando alguns para a decoração, moldar a massa em forma de rosca larga e colocar num tabuleiro untado ou com papel vegetal. Decore com os frutos secos restantes, pincele com a gema de ovo, deixe levedar de novo.

Quando tiver duplicado o volume, coloque no forno a 180º por uns 20 a 30 minutos ou até estar cozido.

Nota: para o bolo não fechar no centro, costumo colocar um copo de alumínio, daqueles dos pudins, untado por fora e com um pouco de água dentro.

Convém tapar o bolo com papel de alumínio a meio da cozedura para não ficar demasiado escuro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:05


WOOK - www.wook.pt


39 comentários

De Susana Soares a 06.01.2011 às 17:36

Ficou com óptimo aspecto! Eu ainda não tive oportunidade de me aventurar nisso, mas quem sabe até pode ser qualquer dia não tem de ser obrigatoriamente pelos reis! Certo?!

Beijinhos e gostei muito da tua sugestão

De Moira a 06.01.2011 às 18:34

Sem uma máquina para amassar é um bocadito mais dificil de fazer, mas com paciência e tempo tudo se faz.
Claro que pode ser feito em qualquer altura, mas a mim parece que me sabe melhor neste dia. Adoro poder comê-lo ao pequeno almoço do dia de reis.
Bjs

De Bombom a 06.01.2011 às 16:31

Eu concordo que Bolo Rei ou Bolo Rainha, são bolos para qualquer dia do Ano. No entanto, como manda a tradição, só pelo Natal têm lugar à nossa mesa. Já tentei fazer uma vez e aconteceu-me quase como à Sofia. Só deixei levedar uma vez e ficou um bocado rijo demais para meu gosto, embora o sabor fosse óptimo. Acabou torradinho em fatias finas, com manteiga, he, he!
Quanto ao teu Bolo Rainha, ficou "5 estrelas"! Acho que vou tentar de novo numa próxima vez, dado que para o Dia de Reis já não vai a tempo! São dois bolos que aprecio muito. Parabéns pela escolha e pela obra! Feliz Dia de Reis! Bjs. Bombom

De Moira a 06.01.2011 às 18:36

Para mim este bolo tem assento obrigatório no Natal e no dia de reis, é nos dias em que me sabe melhor :)
Também adoro torradas de bolo rei.
Beijinhos

De Vânia Costa a 06.01.2011 às 16:24

Ficou lindo! :) Esse truque com o copo é boa ideia!
Gosto de bolo rainha, mas ainda assim acho-o um pouco seco, não sei...
Bom dia de Reis querida!
Um grande beijinho*

De Moira a 06.01.2011 às 18:38

O truque do copo foi alguém que me ensinou, e o pior é que não me lembro quem foi.
Eu não o acho muito seco, mas cá em casa gostamos dele mal cozido, talvez seja por isso.
Beijocas

De deana@lostpastremembered a 06.01.2011 às 15:22

É tão interessante como nossas culturas têm bolos tão semelhantes ... semelhantes, mas com diferenças delicioso. Eu não posso esperar para experimentar o bolo no próximo ano ... Eu ainda tenho muito a minha versão em Inglês para comer!

De Moira a 06.01.2011 às 18:41

Deana,
The "Bolo Rei" has its origins in France, hundreds of years ago. May be it's because of that :)
Loved your Pudding, next Christmas I'll do your pudding recipe.
Happy new year!

De Ameixinha a 06.01.2011 às 14:50

Faço a versão na máquina do pão mas sem passas, só com frutos secos e pedacinhos de chocolate :) É bolo para se comer durante todo o ano.

De Moira a 06.01.2011 às 18:43

Também podias fazer com pedacinhos de ameixa seca, olha que deve ficar muito bom :)
Eu só não o posso comer todo o ano porque não sou "trinca-espinhas" como tu, se o fizesse ficava como o Obélix hehehehe

De Ana Rita a 06.01.2011 às 14:24

Ficou lindo Moira!!!

No Natal também fiz um bolo Rainha e não durou nada...
Imagino que o teu por esta altura já vá a meio tal deve ser o sabor docinho dele...

Feliz Dia dos Reis!!

Bjokinhas,

Rita

http://bembons.blogspot.com

De Moira a 06.01.2011 às 18:45

Este também não durou nada, ao pequeno almoço marchou logo 1/4, metade trouxe para dividir pelas colegas, o marido ainda deve ter comido ao lanche, sobra só um pedacinho.
Beijocas

De Raquel a 06.01.2011 às 13:50

De todos os bolos e doces que se fizeram na casa da mãe neste Natal, foi o bolo rainha que mais comi. No próximo ano vou tentar fazer esta receita.

De Moira a 06.01.2011 às 18:45

Também é um dos meus doces natalicios preferidos.

De Suny Senabre a 06.01.2011 às 13:44

Te ha quedado divino y seguro que buenísimo.
Hay que ver la cantidad de recetas que hay por ahí sobre lo mismo y todas estupendas.
Te felicito.

Besitos,

Suny

De Moira a 06.01.2011 às 18:50

Gracias Suny!
Hoy es dia de comer Roscón de Reyes y Bolo Rei en la península Ibérica y Galet des Rois en Francia, todos distintos pero unidos por una tradición de siglos.
Besitos

De sofia a 06.01.2011 às 12:40


que delicia!
este ano tambem tentei fazer uma adaptacao algarvia do bolo rainha, mas o resultado foi desastroso porque, tal como tu, fiz ao serao mas em vez de esperar pela segunda fermentacao e cozer logo, fui preguicosa e deixei fermentar durante a noite! enfim... para o ano volto a tentar! ;)
beijinhos (e levo comigo uma fatia do teu bolo, caso nao te importes! ;) )
sofia

De Moira a 06.01.2011 às 18:52

Sofia,
Para levedar toda a noite só se fosse dentro do frigorifico e talvez apenas na 1ª fermentação. Não faz mal para a próxima sai melhor :)
Beijocas

De sofia a 06.01.2011 às 21:55

ah, bom truque!
Obrigada pela dica, Moira!
Beijinhos,
Sofia

Comentar post


Pág. 2/2



Fotos no Flickr




Tradutor





Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D