Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Fava - a leguminosa mal-amada

por Moira, em 07.05.14

Elas estão aí de novo, ainda pequeninas e mal cheias mas plenas de sabor. A leguminosa mal amada, como costumo chamar-lhe, já que mais de metade das pessoas que conheço não gosta delas, nem tão pouco do cheiro, pelo que devo concluir que, mais uma vez eu faço parte das minorias.

Não resisti a comprá-las, mesmo sabendo que provavelmente metade do peso seriam cascas condenadas a ir para o lixo, no entanto, e tal como tantas outras cascas, estas também são comestíveis e têm um sabor bastante agradável.

Foi a primeira vez que cozinhei cascas de fava e o resultado surpreendeu-me, pelo que teremos novas experiências com cascas para breve.

Para este arroz convém escolher favas novas cuja casca seja tenra e sem qualquer mancha escura.

Arroz de Cascas de Fava com Bacon

Ingredientes:

  • 100 g de Bacon finamente picado
  • 1 dente de alho picado
  • 1 ou 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 chávena de favas descascadas
  • 1 chávena de arroz
  • 2 chávenas de água quente
  • 1 colher de café de colorau
  • 1 colher de sopa de coentros picados
  • sal q.b.

Preparação:

Lavar as favas com casca e retirar as pontas e os fios tal como se faz com o feijão verde.

Fazer um golpe longitudinal na casca, retirar as favas e cortar as vagens em tiras como se fosse feijão verde para a sopa.

Colocar num tacho o azeite, o bacon e o alho picado e deixar alourar, adicionar as cascas de fava e o arroz, mexer e juntar a água quente e as favas. Temperar com uma pitada de sal tendo em atenção que o bacon já tem bastante sal e uma pitada de colorau. Deixar cozinhar o arroz, adicionar os coentros picados e servir de imediato.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:56

Arroz de Pato

por Moira, em 20.06.13

Durante anos eu não comi pato, embirrava com o cheiro ou com o sabor ou com ambos, mais tarde percebi que o que detestava era o cheiro e o sabor da gordura do pato.

Retiradas todas as gorduras visíveis e cozinhado o bicho de forma apropriada, descobri uma carne cujo sabor afinal era bem agradável.

Arroz de Pato

Ingredientes:

  • 1 pato com miudezas (guardei os peitos para outra receita)
  • 500 ml de vinho branco de boa qualidade
  • 500 ml de água
  • 1 colher de sopa de mistura de pimentas em grão
  • 4 cravinhos
  • 1 colher de chá de pimentão doce
  • 2 dentes de alho
  • 1 folha de louro
  • sal q.b.

Para o arroz

  • 1 chávena de arroz (basmati por ser o meu preferido)
  • 2 chávenas de caldo coado da cozedura do pato
  • 2 colheres de sopa de bacon picado muito miúdinho
  • 1 cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • chouriço fatiado q.b.

Preparação:

Começar por cortar o pato, (guardei os peitos com pele para outra receita) retirando todas as peles e gorduras visíveis ao pato restante.

Temperá-lo com sal, e pô-lo a marinar juntamente com o alho fatiado, o vinho e as especiarias por cerca de 2 horas.

Cozer o pato juntamente com a marinada a que entretanto se acrescentou a água.

Quando o pato estiver macio retirar para uma travessa para arrefecer e poder desfiar. Reservar o caldo para fazer o arroz.

Desfiar o pato, picar as miudezas e reservar.

Entretanto fazer um refogado com a cebola picada e 2 colheres de sopa de azeite, adicionar o bacon picado e deixar alourar.

Juntar o arroz, acrescentar o caldo e deixar cozer o arroz.

Untar um tabuleiro que possa ir ao forno, cobrir o fundo com metade do arroz, deitar por cima o pato desfiado e as miudezas picadas e cobrir com o restante arroz. Decorar com rodelas de chouriço e levar ao forno por cerca de 15 minutos. Servir quente.

Nota: Costumo comprar o pato inteiro porque sai mais barato e guardo o magret para fazer assim, assim ou assim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:51


WOOK - www.wook.pt


Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D