Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Que Bela é a Vida no Campo

por Moira, em 16.08.10

Em Agosto os nossos fins de semana são uma espécie de extensão das férias, sexta-feira à noite partimos e juntamos-nos aos amigos que estão de férias e assim, as semanas que neste Agosto têm sido bem quentes custam menos a passar com a perspectiva de um fim de semana em tão boa companhia.

Este fim de semana rumamos a uma pequena aldeia no meio das serras entre Vila de Rei e a Sertã, houve tempo para passeios e como já é hábito uns mergulhos nos rios e ribeiros da região. E que bela é a vida no campo...

Também houve tempo para comidinhas boas e coisas tão simples como umas maçarocas de milho assadas nas brasas que me fizeram viajar no tempo até casa de minha tia, já falecida há muito, que apanhava as maçarocas à vinda da rega da horta e as punha a grelhar junto às brasas do fogão para as minhas delícias, que sendo na altura pouco amiga de comida, comia duas ou três espigas de seguida com a satisfação de quem tinha uma fome devoradora.

Como receita claro que não tem história nem segredos, mas para quem quiser experimentar basta acender umas brasas com carvão, descascar as espigas de milho verde, colocá-las em cima da grelha e deixar alourar por todos os lados.

Podem ser barradas com manteiga, muito pouca, embora eu as prefira assim simples.

Não levam sal nenhum e são um óptimo acompanhamento para a bela costeleta grelhada ou outra carne a gosto.

Nota: Para escolher o milho as barbas devem ter um tom dourado não muito escuro, se as barbas estiverem castanho muito escuro o milho já estará mais rijo, dá ainda para cozer mas já não dá para grelhar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 22:53


WOOK - www.wook.pt


30 comentários

De Gaby a 19.08.2010 às 17:42

Quero esse milho! faz tanto tempo que nao como milho desse
jeito!
Adorei a dica das barbas do milho, de agora em diante já sei que tengo que olhar qué cor elas tem...
um beijao
Gaby

De Moira a 19.08.2010 às 22:04

Olá Gaby,
Há sempre um pormenor para compartilhar, nem que seja assim simples, não é?
Escreves português muito bem :)
Beijo e obrigada pela visita

De Noêmia a 19.08.2010 às 12:51

Moira, as suas espigas de milho me lembraram do mês de Junho no Brasil! Festa Junina, friozinho, fogueira e muita comida e bebida boa!
Lá comemos o milho verde cozido, mas também assado, com manteiga ou sem, acompanhado de uma boa caneca de quentão ou vinho quente!
Ai, que saudade!
:o)

De Moira a 19.08.2010 às 22:02

Olá Nô,
Estou a ver que estas espigas deixam saudade a muita gente, eu incluida ehehehe

De Ameixinha a 19.08.2010 às 00:25

Os campos aqui à volta estão cheios de milho e dá-me cá uma gana de apanhar umas maçarocas, mas o receio de ser vista e apanhada por algum lavrador é maior e passo silenciosamente pelas espigas :) Devem ser deliciosas!

De Moira a 19.08.2010 às 00:37

Não conheces nenhum deles, nem que seja de vista?
Tenho a certeza que se pedires uma ou duas espigas eles dão-te.
Agora é altura delas, mais uns dias e já não dão para grelhar pois os grãos ficam secos e rijos.
Estas comprei-as, curiosamente em Lisboa, mas transportei-as para o campo para as partilhar com os amigos.
Tens que experimentar um dia.

De conceicao a 18.08.2010 às 16:57

Assado nunca comi, costumo comprar as espigas no supermercado.
Bjs

De Moira a 19.08.2010 às 00:38

Conceição,
Também gosto dele cozido, mas assim grelhado é que faz as minhas delícias e me transporta à infância :)
Bjs

De Ricardo Somera a 18.08.2010 às 15:51

Bom dia, tudo bem?
Gostaria de saber se você tem algum e-mail para contato.
Aguardo!

De Moira a 18.08.2010 às 16:08

Olá Ricardo!
O meu e-mail está acessível a todos na barra lateral do lado direito do blog, mas aqui vai: neladias(arroba)sapo(ponto)pt

De argas a 17.08.2010 às 22:05

Que petisco excelente!

De Moira a 18.08.2010 às 16:09

Este é daqueles que me faz mesmo retornar à infância, 6 ou 7 anos :)

De futurobloguero a 17.08.2010 às 19:35

Efectivamente, qué buena es la vida en el campo y qué bien se pasa.

Me gusta tu consejo del color de las barbas de la panocha de maíz para saber cuales son frescas y buenas para hacer en parrilla.

Un beso Moira.

De Moira a 18.08.2010 às 16:10

Si yo pudiera me transladaria al campo ;)
Besos

De Marly a 17.08.2010 às 18:39

Olá, Moira,

O teu post me despertou uma certa nostalgia. Isso por causa dos
tamanquinhos "holandeses", pois tive uns muito parecidos com esses, quando bem jovem, rsrs. Quanto ao milho, lembro-me ter lido, há muitos anos, uma entrevista com a escritora brasileira Rachel de Queiroz (hoje falecida), na qual ela disse que a coisa que ela mais gostava de comer era justamente o milho verde assado na brasa. O interessante era que a Rachel - segundo ela própria - gostava mais de cozinhar do que de escrever (o que não a impediu de escrever uns tantos livros, rsrs). Mas ela chegou a lançar uns dois livros de culinária.
Beijão

De Moira a 18.08.2010 às 16:15

Olá Marly,
Falar do passado causa sempre uma certa nostalgia, faz parte da vida.
Não conheço essa escritora, vou procurar para saber um pouco mais :)
Beijo

De Ana Luisa Alves a 17.08.2010 às 18:05

Há uns meses atrás, tentei grelhar maçarocas daquelas pré-cozidas que se comprar nos supermercados. . . Não ficou lá muito bom :S
As maçarocas que usas-te foram sem ser pré-cozidas? Se sim, o milho não ficou muito duro?
Desculpa estas perguntas de quem não tem muito jeito para a czinha :S
Cumps!
Alu

De Moira a 17.08.2010 às 18:14

Ana,
Essas pré-cozidas não dão para grelhar :(
Para este efeito tem que ser com milho verde como o da foto no canto superior direito do post, e as barbas têm que estar claras se forem muito escuras já não dá.
O milho verde é quando o grão já está completamente criado mas se lhe espetares uma unha ele está leitoso.
Só fica rijo se o grão já estiver seco.
Eu não aprecio essas pré-cozinhadas. É preferivel comprares das frescas, nesta altura do ano creio que o pingo-doce também as costuma ter à venda.
Qualquer outra dúvida, estarei à disposição.

De Ana Luisa Alves a 17.08.2010 às 18:31

Ok! Muito obrigada! Vou tentar assim :)

De Cacahuete a 17.08.2010 às 14:56

Que bela e a vida no campo e que belas macarocas para serem comidas e feitas ao ar livre.

Beijinhos

De Moira a 17.08.2010 às 18:14

É verdade! Sabe tão bemmmm :)

Comentar post


Pág. 1/2



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D