Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Bacalhau? Onde?

por Moira, em 15.06.10

Para mim alheira que é alheira, é de carne e feita pela minha comadre transmontana, mas agora andam para aí umas modernices que inventaram umas alheiras de bacalhau que até se comem.

Eu já experimentei, e tenho a dizer o seguinte, estas alheiras têm tudo para ser boas, tempero, pão, azeitonas e o bacalhau, claro está.

Agora não sei se fui eu que tive azar ou se serão todas assim, fazendo um pouco lembrar uns pastéis de batata com cheiro de bacalhau que se vendem por aí e a que chamam pastéis de bacalhau, a minha alheira tinha 0,5% de bacalhau, 1% de azeitonas e 98,5% de pão e temperos, o que fazia dela umas migas feitas com água de cozer bacalhau, ora bem, se era para comer açorda dentro de uma tripa eu também a fazia, por isso o final da outra alheira de bacalhau que tinha em casa foi este:

Tarteletes de Alheira de Bacalhau

Ingredientes:

  • 1 folha de massa quebrada
  • 1 alheira de bacalhau
  • sobras de bacalhau cozido salteado em azeite e alho (equivalente a meia posta)

Preparação:

Retirar a tripa da alheira e colocar o conteúdo num prato, desfazer com um garfo e misturar o bacalhau às lascas.

Estender a massa sobre uma tarteira, picar o fundo com um garfo, colocar a mistura da alheira por cima e levar ao forno quente por 15 a 20 minutos ou até estar douradinho.

 

Servir com uma salada de tomate cortado aos cubos, pepino, cebola e folhas de mangericão.

 

Notas: Fiz tarteletes individuais mas pode fazer-se uma tarte grande.

Para a massa quebrada pode encontrar óptimas receitas no Figo Lampo ou no Outras Comidas, neste caso usei uma que tinha de compra e que não era grande coisa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:57


WOOK - www.wook.pt


38 comentários

De alcina a 23.06.2010 às 23:39

Em pouco tempo já ouvi falar 3 vezes nessas alheiras e nem sabia que existiam, mas já vi que é "um triste remedeio" mas também já vi que tudo tem solução e esta tem optimo aspecto :-)

De moranguita a 21.06.2010 às 17:34

eu nunca provei nem vi essas novas alheiras
mas relamnet se e assim ...
olha trataste bem da alheitra isso e que importa

De Bombom a 20.06.2010 às 00:21

Olá Moira! Obrigada pela tua resposta ao meu comentário. Se me conhecesses sabias que sou uma avó que não percebe quase nada de computadores. Ainda não sei fazer links, nem coisas complicadas!!! Se me quiseres visitar, O Meu Estaminé fica em
receitasdatiafatima.blogspot.com
Bjs. Bombom

De Moira a 21.06.2010 às 18:42

Ainda vais a tempo de aprender muita coisa.
A minha mãe tem uma prima com mais de 80 anos que andou a aprender e já visita o meu blog, manda e-mails e deixa comentários. Quando queremos uma coisa é só ir à luta.
Beijinho e Boa semana

De Bombom a 19.06.2010 às 15:16

Olá Moira. É aprimeira vez que venho à sua Tertúlia de Sabores.Conheço-a há muito pelos seus comentários nos blogs de muitas amigas, mas quando procurava, nunca encontrava o nome do seu!Até que hoje, consegui cá chegar e gostei muito.
Achei uma ideia óptima, esta de preparar o recheio de uma tarte com a alheira! Tão simples e como deve ter ficado deliciosa!
Voltarei a visitá-la com mais tempo, pois agora já vou colocá-la nos
Favoritos. Bjs. Bombom

De Moira a 19.06.2010 às 15:42

Olá Bombom,
Benvinda ao Tertúlia, volta sempre que queiras e da próxima deixa um link para poder retribuir a visita, pois acho que não conheço o teu blog.
Beijinho

De Helena a 18.06.2010 às 20:12

Moira
Como não aprecio alheira abstenho-me nesse campo. Já a tartelete tenho a dizer que ficou um primor! Assim também eu a comia e com bacalhaus sério e tudo.
Bom fim de semana!

De Moira a 18.06.2010 às 23:10

Helena,
Eu alheiras só gosto mesmo das caseiras e feitas pela minha comadre quase sem gordura nenhuma e têm que ser grelhadas porque à moda de Lisboa, nem pensar.
Estas achei-as muito fracas pela óbvia falta de bacalhau, já as tarteletes ficaram óptimas.
Bom fim de semana

De Abelha Maia a 17.06.2010 às 18:20

OLha as tuas tarteles têm um optimo aspecto, mas olha que já comi essa tal alheira de bacalhau e não me convençeu.
bjssss

De Moira a 18.06.2010 às 23:08

A mim tambem não, mas continuo a achar que tem ingredientes para dar certo, só que falta ali qualquer coisinha.
Já a mistura que lhe fiz com bacalhau a sério transformou estas tarteletes num manjar :)
Bjs

De Ameixinha a 17.06.2010 às 13:12

Quem não tem comadres transmontanas tem que se sujeitar. Mesmo as alheiras de caça trazem muito pão, muita gordura e quase nada de carne. É por isso que as minhas favoritas são as alheiras vegetarianas :)

De Moira a 17.06.2010 às 14:19

Não sabia que havia alheiras vegetarianas.
Ter comadres transmontanas é um mimo :)

De Mary a 16.06.2010 às 20:47

Moirita, na verdade nem tudo o que parece é...mas bastou a tua capacidade criativa para dar a volta à situação de forma gostosa...
Umas ricas tarteletes e a bela saladinha, como sempre, tudo bem a meu gosto! hehehe:)

De Moira a 16.06.2010 às 22:00

Todas as refeições têm que ter saladinha ou legumes, não falha :)
Beijocas

De raquel a 16.06.2010 às 18:00

moira, adorei este post, jà me ri muito......
uma boa cozinheira tem o dâo de transformar uma coisa fraca, numa optima refeição....e foi o que voce fez....parabens
bjs e optima semana

De Moira a 16.06.2010 às 18:05

Raquel,
Pelo menos tentei :)
Mas irritou-me o facto de se chamar alheira de bacalhau e ter apenas 3 ou 4 pedacinhos, deviam chamar-se alheiras de pão com azeitonas e aroma de bacalhau LOL
Bjs

De argas a 16.06.2010 às 17:25

Foi um bom aproveitamento, assim tem ar de ser bastante bom! bjinhos

De Moira a 16.06.2010 às 17:54

E ficou :) mas para a próxima faço eu as migas para o recheio.
Bjs

Comentar post


Pág. 1/2



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D