Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Continuando a Viagem

por Moira, em 05.05.10

A tarde estava quente quando entramos em Monsanto, a aldeia mais portuguesa de Portugal, construída em completa comunhão com o granito que faz parte integrante das próprias casas. As suas ruas são estreitas, íngremes e de pedra rude, a cada passo vamos vislumbrando a paisagem deslumbrante.

Pelo caminho travámos conversa com a Dª. Alice, uma senhora muito simpática nascida e criada em Monsanto que fazia e vendia à porta de casa as emblemáticas bonecas a que chamam marafonas.

A marafona simboliza a fertilidade, e tem por base uma cruz, acreditando-se que a cruz afugenta as trovoadas, talvez por isso as encontremos ao longo do caminho.

A Dª. Alice acabou por nos explicar parte da história da aldeia e ainda nos aconselhou sobre o que devíamos ver, chamando a atenção para pequenos pormenores que de outra forma nos passariam despercebidos.

Continuamos a subida que é cansativa, chegamos finalmente ao castelo, que em tempos também pertenceu aos Templários, a respiração ofegante de quem não está habituado a tamanho esforço mas o percurso é lindíssimo e mais uma vez somos premiados com uma magnífica vista para todos os pontos cardeais.

No caminho de regresso fizemos o percurso pedestre que nos aconselharam no Posto de Turismo, estamos inebriados com a paisagem e com os diferentes aromas exalados pelas múltiplas flores que encontramos pelo caminho. O percurso está muito bem identificado e não tivemos qualquer dificuldade em segui-lo, estamos cansados mas felizes, mais uma vez valeu a pena porque Monsanto é de uma beleza extraordinária.

Tal como Idanha a história de Monsanto perde-se no tempo e na história mas para a conhecer melhor passem por este site ou pelo site da Câmara Municipal.

A tarde estava a chegar ao fim, o corpo pedia repouso, por isso seguimos caminho para as Termas de Monfortinho, onde nos esperava o descanso merecido, aproveitamos para um mergulho na piscina aquecida do hotel e ainda houve tempo para uma massagem antes do jantar.

A noite estava amena por isso fomos a pé até ao Restaurante Papa-Figos no Hotel Fonte Santa onde nos deliciamos com um jantar gourmet.

A escolha dos menú ficou a cargo do Chef Mário Rui Ramos e foi uma agradável surpresa.

Começamos por umas entradas, simples mas agradáveis, o meu preferido, um patê de alheira de caça, um patê de azeitona e um de queijo e ervas, o preferido do marido.

Desta vez coube-me a mim escolher o vinho e já que estávamos na Beira, optei por um Almeida Garrett tinto, casta Syrah, uma casta que eu muito aprecio e que se revelou um óptimo acompanhamento para toda a refeição.

O pão era artesanal e feito em Penha Garcia, mas disso falarei noutro post.

Depois veio a sopa, de peixe bem diferente do que costumo fazer, um creme de garoupa com poejos do rio, reconfortante e muito agradável.

Seguiu-se um dos pratos que mais me encantou pela sua simplicidade e também pela apresentação, Breasola em Carpaccio com Anel Crocante de Ervas Tenras e Parmesão. Já o prato principal, Espiral de Perú e Alheira sobre Risotto de Amanitas dos Césares e Crocante de Sementes, por eu não ser apreciadora de perú não foi o que mais me agradou, mas o risotto estava fantástico, uma pena as fotos não estarem à altura dos pratos, ficaram péssimas e quer dizer que ainda tenho muito que aprender pois não sei tirar fotos à noite.

Por fim o ponto mais alto da refeição, a sobremesa, um Demi-Cuit de Chocolate Negro, servido morno com Sorvete de Tangerina e Molho de Frutos Silvestres, eu até nem sou gulosa, mas garanto-vos que a cada colherada julguei que estava no céu, e vocês não imaginam como eu sou exigente.

No final do jantar tivemos oportunidade de dar os parabéns ao Chefe Mário Rui Ramos pela magnifica refeição que nos preparou. Voltarei mais vezes, até porque este menu gourmet varia consoante os produtos da época.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:18


WOOK - www.wook.pt


42 comentários

De gatinhafofa a 24.05.2010 às 23:35

quem me dera a mim ir conhecer o famoso castelo de Monsanto. mas infelizmente nao ha oportunidades para isso. beijinhos!!!

De Moira a 24.05.2010 às 23:52

Sandra,
Um dia, se puderes faz um passeio com a familia por lá, é tão bonito e a vista lá de cima é fantástica.

De pipoka a 11.05.2010 às 15:46

Não conheço bem essa região, apesar de ter uns amigos que recentemente se mudaram para Idanha-a-nova. Fiquei cheia de vontade de me escapar uns dias para lá, saborear as paisagens, as gentes e a boa comida.

beijos

De Moira a 11.05.2010 às 18:10

Pipoka,
Ora aqui está uma boa ideia, com o pretexto de ir visitar os amigos aproveitas e dás uma escapadela por estas bandas.
Vais ver que não te vais arrepender. E ainda falta a parte de Penha Garcia, que eu gostei especialmente por ter visto a céu aberto fosséis com mais de 480 milhões de anos, o que para quem me conhece sabe que só de falar fico toda arrepiada :)

De flavia pantoja a 10.05.2010 às 21:19

Moira querida, eu continuo achando que voce é a melhor embaixadora do Portugal! Nao somente as fotos são lindas, mas a forma que voce relata a historia mostra todo teu amor pela tua terra. Parabens pelo aniversario de casamento e por esse teu indiscutivel dom de nos passar todo o teu carinho pelo teu pais atraves de texto, fotos e receitas! Sou tua fã!!!
Um beijo!

De Moira a 10.05.2010 às 21:28

Obrigada querida Flávia,
Desta vez a ideia foi mesmo promover um pouco do meu Portugal que ainda é desconhecido para muitos portugueses e que tem raízes que se perdem na história.
Tal como noutros países, nós temos locais tão bonitos que nunca é demais partilhar, e se as minhas palavras servirem para aguçar a curiosidade de uma visita, então eu fico muito feliz.
Um beijo

De Suzana a 10.05.2010 às 11:43

Moira,
Vou ser mais precisa que a Viz: estou cheia de inveja de T-U-D-O! Deixaste-me a pensar que tenho um aniversário de casamento para celebrar (um daqueles de conta certa) e que te devia seguir o exemplo e encontrar paisagens lindas como estas e um passeio inesquecível. Que viagem fantástica!

Bj* e boa semana

De Moira a 10.05.2010 às 11:55

Suzanita,
Para comemorar não precisa de ter conta certa, eu fiz 17, é tudo menos conta certa ;)
Esta viagem foi perfeita, em 3 dias sem sair do país diverti-me, descansei, vi coisas belíssimas e comi que nem uma rainha, por tudo isto só posso aconselhar.
Beijocas e boa semana

De desperate.viz a 08.05.2010 às 22:17

estou cheia de inveja!

De Moira a 08.05.2010 às 23:43

ahahahaha...
Do quê? da Viagem ou da comida ?

De Viagens a 08.05.2010 às 16:23

Fiquei deliciada com o roteiro e com a ementa. Beijoka.

De Moira a 08.05.2010 às 23:45

Foi realmente muito agradável, por isso recomendo.

De Isa Lourenço a 07.05.2010 às 12:51

Querida Moira,


Não conheço essa aldeia, mas tenho uma boneca dessas (As Marafonas) que a minha mãe me deu quando me casei e que foi colocada na minha cama por uma moça solteira :)

Tenho-a guardada religiosamente!!!

Bjocas grandes

De Moira a 07.05.2010 às 15:15

Sempre gostei de artesanato, por isso trouxe uma bonequinha das pequeninas, achei-as amorosas.
Beijocas

De Jean Claudi a 06.05.2010 às 16:36

Prezada Moira,

Estava me deleitando com as tuas postagens, as quais não lia desde aquela do protesto. E quantas coisas lindas você fez... e que lugares lindos estes por onde andas... Parabéns pelo aniversário de casamento. É data para ser celebrada!
Um abraço,

Jean Claudi.

De Moira a 07.05.2010 às 15:18

Jean Claudi,
Eu gosto sempre de comemorar os aniversários, sejam eles do que forem e o de casamento é sempre especial.
Os locais por onde andei, são bem no interior a nordeste de Portugal, encostados à fronteira com Espanha. Todos eles são locais cheios de história, que eu ainda não conhecia e que recomendo uma visita, pois têm paisagens lindíssimas.
Um abraço

De Margarida a 06.05.2010 às 11:00

Moirita, que passeio magnífico!
Adorei as fotos e Monsanto conquistou-me já virtualmente. Tenho que lá ir. E com uma refeição dessas no fim não se pode pedir mais nada. Perfeito!
beijinho e um bom fim-de-semana!

De Moira a 07.05.2010 às 15:23

Margarida,
Pena não ter por lá uns guias fantásticos como os que acompanharam as meninas que foram ao Algarve, tenho a certeza que esta viagem teria sido ainda mais enriquecedora, como por exemplo saber os nomes das várias flores que exalavam cheiros distintos no caminho que fizemos pelo monte de regresso do castelo até à aldeia.
Beijocas e bom fim de semana

De Cacahuete a 05.05.2010 às 22:22

Nunca fui a Monsanto, mas as tuas fotos já me deram vontade de dar lá um saltinho numa das minhas próximas viagens a Portugal. E esse jantar gourmet que maravilha. Belas férias.

Beijinhos

De Moira a 05.05.2010 às 23:45

Se puderes por lá passar não percas é realmente muito bonito.
Beijinhos

Comentar post


Pág. 1/3



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D