Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Matando Saudades de Madrid

por Moira, em 10.05.09

Madrid é uma cidade da qual só comecei a gostar muito recentemente, mas agora já não prescindo de me perder pelas ruas que vão dar à Plaza del Sol e ir comer umas tapas num daqueles tascos típicos espalhados pelas ruas do centro de Madrid.

Numa das últimas vezes que lá estive comi umas das melhores "gambas al ajillo" de que tenho memória.

Assim as minhas saudades de Madrid, matam-se com umas gambas fritas com alho e whisky, que não sendo exactamente a mesma coisa, estavam muito saborosas.

Madrid 

Gambas com Alho e Whisky - 2 pessoas

Ingredientes:

  • 20 gambas
  • 2 dentes de alho
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 1 cálice de whisky
  • sal a gosto
  • piri-piri (facultativo)

Preparação:

Descongelam-se e descascam-se as gambas em cru deixando a cabeça e o rabo, temperam-se com uma pitada de sal e reservam-se por 10 a 15 minutos.

Numa frigideira põe-se o azeite e o alho cortado às lascas, deixa-se aloirar ligeiramente e retira-se o alho antes que fique completamente frito, colocam-se as gambas e o piri-piri, deixam-se alourar de um lado e do outro, rega-se com um pouco de whisky, deixa-se evaporar um pouco e servem-se quentes com pão tostado com azeite e alho, ou com um simples arroz branco (acreditem que fica uma delícia) e uma cerveja fresquinha.

Para o pão, basta torrar umas fatias de pão e pincelá-las com azeite e alho picado.

Nota: Se preferir pode fritar as gambas com casca, mas quanto a mim não ficam tão saborosas pois o sabor fica todo nas cascas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:46


WOOK - www.wook.pt


4 comentários

De Rute a 11.05.2009 às 20:57

Falaste de Madrid e eu lembrei-me dos cogumelos que comi numa taberna perto da Plaza Mayor. Cogumelos quase tão cáros como gambas! Deliciosos. Grelhados com um molhinho especial.

Quanto aos tremoços, não são xixaros. São coisas diferentes mas parecidos. Os xixaros que a Tina enviou ainda não cozinhei.

Beijinhos e em parte foste responsável por eu ter um new look no blog. Ao ver o teu deu-me vontade de espiolhar as funcionalidades do blogspot e depois deu-se a desgraça, seguida do triunfo. Há males que vêem por bem ;-)

De Moira a 11.05.2009 às 23:34

Rute,
Ai o que me foste lembrar, as famosas setas :) acho que ainda é melhor que gambas.
Quanto à mudança de imagem, às vezes é preciso que alguém nos empurre, mas como dizia o poeta a vida é feita de mudança.
Gostei dos girassóis :)
Não sei como é no blogspot, mas no sapo eles têm montes de layouts feitos e ainda personalizáveis com coisas tuas ou à tua maneira.
Fico então à espera de ver a receita dos xixaros.
Bjs

De Rute a 12.05.2009 às 22:27

No blogspot não têm grande coisa :-((
Aqueles girassois é foto minha. E ainda me deu um trabalhão cortar a foto à medida do cabeçalho. Depois andei lá a misturar as cores todas porque o modelo escolhido era branco branquinho. Enfim, ficou giro. Os girassois foram a minha paixão do ano passado. Este ano não semeei.

De Moira a 12.05.2009 às 22:41

Rute,
No blogspot não dá para aumentar a altura do cabeçalho?
No sapo dá para fazer uma infinidade de coisas, mesmo não sabendo trabalhar muito bem com aquilo eu conseguia pôr as minhas fotos no cabeçalho e aumentá-lo ou diminui-lo consoante as necessidades.
Qualquer dia ainda te mudas para o sapo, sabes que dá para importar os blogs de outras plataformas?
Bem, já estou a fazer publicidade à borla :)
Eu nunca tive girassóis, mas aqui em casa também não dá, mas é uma flor linda.
Bjkas

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day, October 16, 2017 World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D