Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Doces e Compotas

por Moira, em 15.09.08

Para que não restem dúvidas e porque me têm perguntado, eu faço quase todos os doces no micro-ondas, a técnica é idêntica para todos eles, excepto para o doce de abóbora gila que para além de muito trabalhoso, deve seguir regras muito específicas e por isso é sempre feito no fogão.

A preparação dos doces no micro-ondas tem um "senão", é que não dá para fazer grandes quantidades, assim se quer utilizar um quilo ou mais de fruta, faça o doce da forma tradicional.

Doce de Pêssego e Alperce 

Utilizando 300 ou 400 gramas de fruta dá para matar a saudade de um doce caseiro, só que feito com mais rapidez e rende um frasco médio ou dois pequenos de doce.

A imaginação não tem limites, por isso dêem asas à imaginação... 

Notas importantes:

Utilizar um pirex largo e fundo e nunca utilizar mais que 1/3 da capacidade do recipiente, para o doce não sair por fora durante a cozedura.

Não utilizar recipientes de plástico, durante a cozedura o ponto do açúcar pode derreter o recipiente.

A duração da cozedura no micro-ondas para uma quantidade de 300 a 400 g varia entre 15 e 20 minutos consoante a potência do seu aparelho e deve mexer o doce com uma colher de pau de cinco em cinco minutos, para que a cozedura seja uniforme.

Utilizar a mesma quantidade de fruta que de açúcar, se quer reduzir algum açúcar em 300 ou 400 g de fruta nunca deverá reduzir mais que 100 g, não se esqueça que este doce não leva conservantes e que se reduzir no açúcar ele vai ganhar bolor no final da primeira semana.

Para saber se o doce está no ponto certo, tire uma colher de doce para um prato e deixe arrefecer, para ver se está na consistência certa. Quando o doce acaba de fazer a sua consistência ainda é um pouco líquida, mas ao arrefecer torna-se mais denso.

Espero ter esclarecido todas as vossas dúvidas, no entanto podem sempre deixar comentários ou enviar e-mails.

Doce de Pêssego e Alperce

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:36


WOOK - www.wook.pt


10 comentários

De Miguel a 02.09.2010 às 23:18

Hoje vim cá ter por um link da:
http://decozinhaemcozinha.blogspot.com/2010/09/doce-de-pessego.html
E, pensei,... o que é que a Moira aprontou desta vez?
Admiro o seu sentido prático e desenvencilhado. Acho que realmente algumas pessoas não me põem a fazer doce porque imaginam que vão ter de pelar 2 kg de fruta,... e depois os frasquinhos vão andar atirados no canto do frigorífico. Assim com menor quantidade acho que estimula mais a fazer.

Duas perguntas: a fruta não espirra a meio da cozedura? Cobre com uma tampa de microondas? E o doce da foto que de que fruta é?

Um abraço.

De Moira a 03.09.2010 às 00:21

Olá Miguel,
Eu realmente faço sempre porções de doce muito pequenas, acima de tudo porque gosto de variar, e claro para não ficaram esquecidos no fundo do frigorifico.
Nunca me acontedeu espirrar, nunca coloquei tampa, mas o pirex tem que ser mesmo alto porque a cozedura do micro-ondas faz borbulhar e subir o açúcar e a fruta, caso se encha o pirex até metade, sai por fora, já me aconteceu.
O doce da foto é de pêssego e alperce.
Deixo um link com todos os meus doces e compotas, uns feitos no micro-ondas, outros no tacho: http://tertuliadesabores.blogs.sapo.pt/tag/doces+e+compotas
Um abraço

De Pão, Bolos e Cia. a 21.09.2008 às 22:27

Sugestão muito boa, tenho feito doces na MFP, e uso muito o microondas para cozinhar e mesmo fazer purés de fruta para bébés, mas nunca tinha pensado em fazer doces no microondas, vou experimentar.

De Moira a 22.09.2008 às 10:40

Se já costuma usar o micro-ondas para cozinhar vai super fácil.

De Jean Claudi a 17.09.2008 às 16:35

Prezada Moira,

Obrigado pela aula sobre doces e compostas.

Parabéns pela didática.

Um abraço,

Jean Claudi.

De Moira a 17.09.2008 às 17:36

Apesar de não ser a forma tradicional é uma forma prática e rápida de todos terem doce caseiro ao seu alcance.
Um abraço

De leonor a 15.09.2008 às 20:42

Mais uma compota, que bom!... Não podia ser nada mais a propósito para esta época!...
O fim do Verão, deixa-nos sempre com imensa fruta e os doces são uma forma excelente de preservar esses sabores ao longo de todo o Inverno...
Adorei o "chapéu" que pôs à compota...

Beijinho

De Moira a 15.09.2008 às 20:53

Olá Leonor,
É exactamente isso, aproveitar para não estragar!
Como na minha família há várias pessoas que têm árvores de fruto, sempre aparece fruta a mais, para dois "gatos pingados" cá em casa, por isso vou fazendo uns doces para animarem os nossos crepes e scones pelo Inverno fora... E como já diziam as nossas avós: - No aproveitar é que está o ganho!
Bjs

De pipoka a 15.09.2008 às 17:52

Normalmente faço grandes quantidades, quando me oferecem uns quilos de determinada fruta e tenho medo que se estrague (acontece muito com figos e abóbora). Nunca me lembrei de fazer pouco, mas agora que sei que se faz bem no micro-ondas, vou experimentar.

Só uma dica (que serve para os doces feitos ao lume e talvez sirva para estes): se juntares sumo de limão, a compota atingue a consistência desejada mais facilmente, pois o limão funciona como gelificante (é importante se estiveres a fazer doce de uma fruta com pouco pectina).

bjs

De Moira a 15.09.2008 às 18:03

Obrigada pela dica, desconhecia esse pormenor, costumo usar o sumo de limão nas frutas que por si só são demasiado doces, como as amoras.
Cá em casa faço sempre pouco porque somos só dois e adoramos a variedade em cima da mesa ao pequeno almoço, principalmente ao fim de semana.
Bjs

Comentar post



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D