Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ainda Estamos no México

por Moira, em 31.08.10

Não literalmente, mas gastronomicamente falando continuamos de viagem pelos Sabores do México.

A ideia surgiu através do desafio do Lazy Blog e foi aceite por aqui com muito agrado ou não gostássemos nós de testar outros sabores.

Uma das mais famosas iguarias mexicanas é o Guacamole que traduzido á letra é Molho de Abacate, é fácil de fazer, é fresco e que me perdoem os mexicanos, mas retirando parte dos chilis que lhe são habitualmente adicionados é uma verdadeira delícia. O guacamole pode ser servido como snack acompanhado com chips de tortilha, ou como molho para outros pratos tradicionais.

Guacamole

Ingredientes:

  • 2 a 3 abacates maduros
  • 1 tomate médio
  • 1 cebola pequena picada
  • 1 colher de sopa de coentros picados
  • 2 colheres de sopa de sumo de lima
  • sal q.b.
  • 10 gotas de molho de tabasco verde (de pimento jalapeño)
  • 1 colher de sopa de pimentos jalapeños em conserva picados (opcional)

Preparação:

Abrir os abacates ao meio, tirar o caroço e com uma colher de sopa retirar a polpa para um prato. Esmagar a polpa de abacate grosseiramente com um garfo, temperar com sal e o molho de tabasco, adicionar o sumo de lima, a cebola picada e o tomate cortado aos cubos, se gostar de picante adicionar os pimentos jalapeños picados.

 

Nota: No final dividi o guacamole em duas partes e a uma delas juntei os pimentos jalapeños, assim uns comeram com picante e outros sem, para agradar a todos.

E com esta receita concluo a minha participação no desafio de comida mexicana promovido pelo Lazy Blog com o patrocínio da Kitchenclub.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:01

Y Viva Mexico!

por Moira, em 29.08.10

 

Receitas Mexicanas é o novo desafio lançado pelo Lazy Blog e patrocinado pela Kitchen Club que tem cursos de cozinha que também teriam adeptos cá em Portugal com toda a certeza.

 

Já não é a primeira vez que faço receitas mexicanas ou de inspiração mexicana em minha casa, e este desafio só veio trazer o pretexto para mais um jantar animado com alguns amigos, e entre conversas e margueritas o jantar foi-se fazendo sem pressas.

 

Na ementa não faltaram, o Guacamole e as Fajitas de Frango, mas o prato de eleição para participar neste desafio foi um Ceviche de Peixe Espada Preto que a todos agradou por unanimidade, até à pequena R. que só reclamou que tinha muitos coentros, mas que ainda assim comeu quase tudo.

 

Para compor a mesa ainda fiz um "pão cacto" que pelo seu aspecto visual faz sempre um enorme sucesso.

 

Para a receita do Ceviche segui as instruções que vi neste video do Youtube, mas em vez de filetes de Dourada usei Filetes de Peixe Espada Preto, neste prato o peixe é cozido por acção do sumo de lima.

Ceviche de Peixe Espada Preto

Ingredientes:

  • 500 g de filetes de peixe espada preto sem peles e sem espinhas
  • 6 colheres de sopa de sumo de lima (limão verde) +/- 2 limas
  • sal e pimenta q.b.
  • 1 colher de sopa de coentros
  • 1 chávena de cebola picada
  • 1 chávena de tomate aos cubinhos sem pele e sem sementes
  • 1 chávena de pimento aos cubinhos pequeninos
  • 15 gotas de molho de tabasco verde (jalapeño)

Preparação:

Cortar os filetes em pequenos cubos, colocá-los numa taça, temperar com sal, pimenta e o sumo de lima misturado com o tabasco verde, mexer para envolver os sabores, tapar com filme de cozinha e reservar no frigorifico pelo menos 15 a 20 minutos.

Retirar do frio, adicionar a cebola, o tomate, os pimentos e os coentros misturar tudo e voltar a guardar no frio até à hora de servir, mas nunca mais de uma hora para o sabor da lima não se tornar amargo.

 

Nota: O original não leva pimento, mas eu resolvi juntar e ficou agradável. Como não tinha chilis frescos adicionei o tabasco verde, mas em quantidade mínima pois tínhamos uma criança a comer.

Acompanhamos este prato com um vinho verde galego da casta ribeiro que é a minha preferida.

 

Nos próximos dias virão as receitas do guacamole e das fajitas de frango.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:02

Mais uma Cesta de Figos

por Moira, em 27.08.10

Os figos demoraram mas chegaram com fartura, como vos disse ontem.

A responsável pela segunda leva de figos, que me chegaram às mãos numa cesta de fazer inveja, foi a amiga Laranjinha do Blog Cinco Quartos de Laranja, que mos entregou no escritório e que logo foram "cobiçados" pelas minhas colegas de trabalho que não conseguiram resistir-lhes.

Quem os provou disse que eram uma delícia, e eu garanto que fizeram várias barriguinhas felizes, incluindo as nossas cá em casa.

E conforme prometido aqui fica a minha sugestão para quem conseguir guardar uns figuinhos para a confeccionar, é simples e fresquinha, como convém nesta época.

Figos com Queijo de Cabra e Presunto com Calda de Mel e Mostarda à Antiga

Ingredientes:

  • 6 Figos
  • 1 queijo de cabra pequeno
  • 6 fatias de presunto fumado
  • 1 colher de sopa de amêndoa lascada e torrada

Para a calda

  • 1 colher de chá de mel
  • 1 colher de chá de mostarda à antiga (é daquela com sementes)
  • 1 colheres de chá de vinagre de arroz

Preparação:

Lave e seque os figos com papel absorvente. Faça-lhes um golpe em cruz sem os separar na base.

Corte o queijo em lascas, divida-as pelos figos e enrole-os no presunto e reserve no frigorifico.

Entretanto prepare a calda, dissolva o mel com o vinagre, se necessário leve 2 ou 3 segundos ao micro-ondas, misture a mostarda e envolva bem.

Coloque a calda sobre os figos, polvilhe com a amêndoa torrada e sirva acompanhado por um tinto do Douro ou do Alentejo.

 

Notas:

As amêndoas podem ser substituídas por pinhões tostados ou por nozes.

O queijo de cabra que usei foi o de palhais, mas podem usar qualquer outro queijo de sabor forte para contrastar com o doce dos figos.

O uso do presunto fumado dá-lhe um toque diferente, pois o sabor difere bastante quer do presunto nacional, quer do espanhol.

Usei um presunto fumado alemão que está à venda no Lidl, mas creio que é possível encontrá-lo noutros supermercados.

Se não tiver desta mostarda é preferível omiti-la pois a mostarda vulgar é bastante mais ácida e creio que não ficaria bem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:52

Hummmm! Figos...

por Moira, em 26.08.10

Foram duas as almas caridosas que ouviram os meus queixumes de ainda não ter comido figos este ano.

Ontem à noite a minha cunhada brindou-me com os primeiros figos da figueira dela que este ano resolveu brindá-la com umas miniaturas tardias de figo nunca antes vistas, e hoje logo pela fresquinha a Laranjinha brindou-me com uma bela cesta de figos que trouxe ontem de Santarém.

Sendo assim, ambas contribuiram para a minha felicidade.

Obrigada pela gentileza de terem atendido às minhas "preces".

E agora adivinhem o que vai ser o meu jantar...

... é isso mesmo, figos ao natural, ou à moda da minha avó, figos com pão, mas não se preocupem, amanhã já vos trago uma sugestão mais elaborada com os figos que sobrarem hoje à minha gula.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:18

Outra Salada

por Moira, em 22.08.10

Mais do mesmo, ou talvez não, é mais uma salada sim senhor, mas não é uma salada qualquer, é uma harmoniosa combinação de sabores que se eu não experimentasse nunca saberia o que estava a perder.

Claro que parece uma mistura arrojada, mas só a combinação da melancia com os coentros já é perfeita, não acreditam?

Experimentem é só o que posso dizer-vos.

Salada de Milho e Melancia

Ingredientes:

  • 1 fatia de melancia
  • 3 colheres de sopa de milho
  • 1 colher de sopa de coentros frescos picados
  • vinagre de arroz q.b.
  • sal e pimenta q.b.

Preparação:

Retiram-se as sementes à melancia e corta-se aos cubos.

Misturam-se os restantes ingredientes e temperam-se com sal e pimenta moída no momento e o vinagre.

Nota: Não coloquei sal e gostei assim. Na receita original o milho é assado, mas hoje usei de lata que era o que tinha.

Usei vinagre de arroz (o mesmo que se usa para o sushi) mas acho que se pode usar qualquer vinagre que não seja forte, como o de cidra.

Apesar desta salada ter sido a minha refeição assim simples, acho que ligará na perfeição com carne grelhada.

Fonte: Paula Deen

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:43


WOOK - www.wook.pt

Pág. 1/3



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day, October 16, 2017 World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D