Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Merendas Transmontanas

por Moira, em 06.12.09

Estou de regresso após uns dias fora, com algum frio, mas muito bem passados entre amigos e quase família, a intenção era apanhar azeitonas, mas havia poucas e assim o tempo deu para muita coisa, passeios, preguiça e muita comidinha boa.

A paisagem é linda, convidativa ao repouso e eu adoro-a seja qual for a estação do ano.

Depois de uma manhã a apanhar azeitona, para os que trabalharam no duro, a merenda é bem merecida, entre os petiscos para além das alheiras e da carne assada nas brasas, temos quase sempre bacalhau frito, polvo frito e língua de vitela frita, tudo acompanhado por um belo naco de pão transmontano, que difere do alentejano apenas no formato e na acidez.

Para qualquer uma das iguarias não há uma receita especial.

O bacalhau, depois de demolhado e seco com papel absorvente, passa-se por farinha e ovo batido com salsa picada e frita-se em óleo quente.

O polvo é previamente cozido, depois passa-se por farinha e ovo batido com salsa picada e frita-se em óleo quente.

A língua de vitela, é previamente cozida em água e sal, deixa-se arrefecer, corta-se em fatias, passa-se por farinha e ovo batido com salsa picada e frita-se em óleo quente.

 

Óbviamente que estas são mais uma das minhas excepções de comer fritos durante o ano, e gosto de qualquer uma das três sugestões.

 

No caminho para casa ainda paramos para apanhar umas azedas para a salada, não são as azedas que conhecemos em Lisboa, mas as azedas transmontanas a que muitos chamam apenas salada, são óptimas com cebola nova cortada aos gomos e temperadas apenas com azeite e vinagre, tudo muito simples e muito bom.

Ao saborear uma salada com ervas que me eram completamente desconhecidas foi impossível não me lembrar da Neide, tenho a certeza que adoraria percorrer os caminhos que percorri para apanhar azeitona à mão como se fazia no tempo dos nossos avós e bisavós.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:36


WOOK - www.wook.pt

Pág. 3/3



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day, October 16, 2017 World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D