Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Chegaram as primeiras uvas

por Moira, em 12.08.11

As primeiras uvas que me chegaram às mãos foram uvas morangueiras com que se costuma fazer vinho caseiro, mas que não são muito agradáveis para comer. Assim resolvi fazer uma geleia.

Por ser a primeira geleia que fiz em toda a minha vida, tentei seguir as instruções básicas para geleias do livro Doces, Compotas e Conservas, apenas acrescentei o Moscatel, diminui no açúcar e usei um pouco de açúcar gelificante ao invés da pectina recomendada. Todo o processo foi lento e moroso mas recompensa o resultado final.

E agora que já sei fazer geleias, começo a imaginar quantas combinações possíveis poderão sair da minha cozinha.

Geleia de Uvas com Vinho Moscatel

Ingredientes:

  • 1 Kg e 800 g de Uvas
  • 200 ml de água
  • 150 ml de Vinho Moscatel
  • 250 g de açúcar gelificante
  • 750 g de açúcar
  • sumo de 2 limões

Preparação:

Colocar as uvas lavadas e escorridas num tacho e esmagá-las com as mãos ou com um esmagador de batata, levar tudo ao lume junto com a água e deixar cozinhar durante 10 a 15 minutos depois de levantar fervura.

Colocar um passador com uma gaze ou um pano fino, vazar para lá as uvas e deixar a escorrer durante pelo menos 12 horas (obtive 1 l de sumo).

No dia seguinte, levar o sumo obtido ao lume com os açúcares, o moscatel e o sumo de limão e deixar ferver, retirar a espuma que se vai formando ao de cima quando começa a ferver. De quando em vez dar uma mexidela com a colher de pau para garantir que não está a pegar ao fundo.

Quando a geleia estiver no ponto (a minha fervilhou durante cerca de uma hora) colocar em frascos escaldados e secos e guardar.

 

Notas:

  • Como saber quando é que a geleia está no ponto? Eu coloco um prato no congelador enquanto o doce está a fazer, depois de ferver durante o tempo necessário, que depende sempre da quantidade de fruta, coloca-se um colher de doce no prato frio de deixa-se arrefecer, se ao passar o dedo pelo doce se formar uma estrada, o doce está pronto a pôr nos frascos.
  • Pode servir esta geleia com torradas, com requeijão de cabra ou de ovelha, com queijo curado, pode barrar com ela um bolo de chocolate antes de colocar uma cobertura de chocolate, pode servir para fazer o molho doce para um magret de pato ou uma carne de porco assada e para tudo o mais que a sua imaginação lhe trouxer.
  • O livro aconselhava 675g de açúcar, 100g de pectina e o sumo de um limão por cada 500 ml de sumo de uva obtido. Eu usei 500 g de açúcar  por cada 500 ml, mas creio que poderia ter reduzido ainda mais e como usei açúcar gelificante não utilizei a pectina.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:24


WOOK - www.wook.pt


33 comentários

De Noêmia a 22.08.2011 às 20:57

Moira, que alegria ver esta geleia de uvas!
No Brasil usamos muito uvas em geleias, gelatinas, sumos e refrigerantes. E eu adoro!
Quando vim viver para Portugal pensei que aqui seria também assim, por causa das vinhas.
Vou guardar a receita para matar a saudade da geleinha!
Beijos,

De Moira a 23.08.2011 às 16:41

Por aqui nunca vi à venda, nem doce, nem geleia de uva e nem sei porquê pois temos uvas com fartura. Já tenho visto é geleia de vinho, que também é muito boa.
Dá um pouquinho de trabalho mas o resultado é muito gratificante, todos os que provam têm gostado bastante.
Beijo

De gisela a 17.08.2011 às 22:19

Que maravilha de geleia. Tem uma cor linda.
Nunca provei mas gostaria.
Um beijinho e até breve
Gisela

De Moira a 18.08.2011 às 15:47

Quem sabe, não terás oportunidade de experimentar ;)
Beijocas e até breve

De Sandra G a 17.08.2011 às 15:31

Geleia de uva, nunca fiz nem comi!!
Com uma fatia de queijo deve saber muito bem.
Bjs

De Moira a 17.08.2011 às 18:25

É boa e com queijo fica divina :)
Bj

De belitaarainhadoscouratos a 16.08.2011 às 09:22

Uma questão: onde encontras o açúcar gelificante? Nunca vi por cá à venda.

De Moira a 16.08.2011 às 15:16

Eu comprei nos supermercados Aldi, há já algum tempo, não sei se eles costumam ter sempre. Mas pode-se usar sempre a pectina que é mais fácil de encontrar nas lojas de produtos naturais.

De Manuela a 16.08.2011 às 01:23

Que geleia apetitosa e muito bem acompanhada!!!! Beijos e boa semana.

De Moira a 16.08.2011 às 15:17

Obrigada Manuela!

De Bruna do Gourmandisme a 15.08.2011 às 05:27

Que bela receita, e belo blog! Cheguei agora, adorei e voltarei sempre!!!!

De Bruna do Gourmandisme a 15.08.2011 às 05:48

Ahhh aproveito para te convidar a conhecer o meu blog, o Gourmandisme, e participar do sorteio: uma cesta de produtos Hershey's!

De Moira a 16.08.2011 às 15:18

Obrigada pela visita e pelo comentário, assim que tiver um tempinho passo para retribuir a visita.

De belitaarainhadoscouratos a 14.08.2011 às 22:52

Tenho uma parreira de uvas americanas (é o nome que as morangueiras têm por aqui) que já deve ter uns 80 anos. E, apesar de não lhe ligar nenhuma, todos os anos carrega de cachos que por esta altura libertam um aroma inebriante. Além do vinho verde tinto, não há muito mais para fazer com elas e embora haja quem as adore, não é infelizmente o meu caso... já uma vez experimentei fazer geleia mas foi com brancas porque as tintas nem sequer me passou pela ideia. Se calhar vou experimentar a tua receita. Tem óptimo aspecto!

De Moira a 16.08.2011 às 22:53

Esse vinho faz as delícias do meu marido, mas eu não sou apreciadora, nem do vinho, nem das uvas, já a geleia adorei.
Ficou com aquela cor roxa característica do verde tinto.
Também já fiz doce de uva, mas estas uvas têm uma casca muito rija e como são pequeninas não dava jeito estar a descascar e a descaroçar.

De Helena a 14.08.2011 às 15:46

Olá Moira
De uva só fiz o doce. A geleia parece perfeita!
Aqui só chegam em em Dezembro.
Bom domingo e um beijo

De Moira a 16.08.2011 às 22:53

Também gosto muito de doce de uva, mas estas estavam destinadas a geleia :)
Boa semana

De Fátima a 13.08.2011 às 20:21

Que linda que ficou a tua geleia;)
A uva morangueira faz-me voltar à minha infância, quando ia para a casa dos meus avós e comia uns belos cachos;)
Ainda hoje peço a uma vizinha para me arranjar dessas uvas, gosto de as comer sem a pele que é um pouco dura;)

De Moira a 16.08.2011 às 22:55

Eu não sou apreciadora destas uvas para comer exactamente porque têm uma casca rija e sou preguiçosa para as descascar porque são muito pequeninas. Em geleia ficaram perfeitas.

De conceicao a 13.08.2011 às 15:45

Eu nunca fiz geleia de uvas, mas depois de ver a tua. Quando tiver uvas já sei que destino lhes dar? Ficou com um óptimo aspecto.
Bjs

De Moira a 16.08.2011 às 22:55

Eu também nunca tinha feito, mas gostei muito do resultado.
Beijocas

Comentar post


Pág. 1/2



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D