Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A de Alfarroba e B de Bom

por Moira, em 10.03.11

Este ano o aniversário do António foi festejado apenas em família, por isso limitei-me a fazer dois doces, o Bolo de Aniversário e uma Tarte de Alfarroba.

Há quem diga que a Alfarroba se assemelha ao chocolate, não concordo, a semelhança é apenas e simplesmente na cor, pois no sabor a alfarroba é bastante diferente, pelo menos para mim. É engraçado perceber como as pessoas têm a tendência de torcer o nariz a coisas novas, foi o que aconteceu cá em casa, eu disse que era tarte de alfarroba e apenas duas pessoas gostaram, quando levei para o escritório não disse praticamente a ninguém que era alfarroba e todos gostaram.

O primeiro contacto com a tarte é visual e as pessoas gostam, ao provar continuam a gostar, mas se antes do primeiro contacto dissermos que é tarte de alfarroba os narizes torcem-se e a vontade de experimentar quase desaparece.

A minha sugestão é que experimentem e depois logo me dizem, o recheio fica húmido e a tarte aguenta-se boa durante mais de dois dias.

Tarte de Amêndoa e Alfarroba

Ingredientes:

Para a Massa:

  • 150 ml de água (no original 14 colheres de sopa)
  • 50 g de banha (no original 3 colheres de sopa) também pode substituir por margarina
  • Casca de meio limão
  • 1 colher de chá de canela
  • 130 g de farinha

Para o recheio:

  • 140 g de açúcar
  • 100 g de amêndoa picada com pele (no original sem pele)
  • 6 ovos médios
  • 75 g de farinha de alfarroba
  • 1 cálice pequeno de licor de alfarroba (no original 1 dl de aguardente de medronho)

Preparação:

Massa:

Colocar num tacho a água, a banha e a casca de limão, quando ferver, retirar a casca de limão e juntar de uma só vez a farinha misturada com a canela e mexer rapidamente até formar uma bola. (faz-se exactamente como a massa de fazer os rissóis). Deixar arrefecer para poder estender e forrar uma forma de tarte. Não é necessário untar a forma pois a massa tem bastante gordura.

Recheio:

Ligar o forno nos 180º.

Bater as claras em castelo adicionando quase no final umas duas colheres de açúcar retiradas dos 140 g necessários e reservar.

Bater as gemas com o restante açúcar até obter uma mistura fofa e esbranquiçada, adicionar a amêndoa moída, e farinha de alfarroba e o licor, por fim juntar as claras batidas em castelo.

Forrar a forma com a massa e colocar por cima o recheio, levar ao forno por cerca de 35 a 40 minutos. (No original mandava cozer por 50 minutos mas o meu forno ficaria queimada)

Para ver se está cozida, usar o método do palito, se sair seco está pronta.

 

Esta receita foi ligeiramente adaptada do livro Entre Coentros e Poejos e trás receitas agradáveis de sabores mais ao sul.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:26


WOOK - www.wook.pt


50 comentários

De Mané a 05.05.2011 às 23:21

Recebi um comentário no meu blog que fazia menção à sua partilha nas experiências da alfarroba e, embora goste de dar uma olhadela nas belas sugestões que apresenta (os meus parabéns) vim ver, em concreto ao que ela se referia...acho que já sei onde vou utilizar a farinha que me sobrou :) :) :)!
Se ainda tiver um restinho aí por casa dou-lhe, também uma sugestão, caso me permita: http://obolodatiarosa.blogspot.com/2011/04/torta-de-alfarroba-com-mel.html
Bjs

De Moira a 05.05.2011 às 23:29

Olá Mané,
Obrigada pela visita e pela sugestão da torta de alfarroba, que me parece muito boa..
Bjs

De Mané a 05.05.2011 às 23:57

Olá Moira
Cá em casa gostaram bastante, os amigos que provaram tb
:)
Bjs

De receitasaodesafio a 22.03.2011 às 12:13

Excelente ideia para acompanhar um chá!Parabéns pelo vosso percurso!

De Moira a 22.03.2011 às 14:34

Obrigada!

De patrícia cheio a 22.03.2011 às 12:08

Fiquei fascinada com a tarte de alfarroba. Comprei farinha de alfarroba há tempos sem saber bem o que poderia fazer com ela, a não ser pão de alfarroba. Vou de certeza experimentar a receita.
Parabéns!
Patrícia

De Moira a 22.03.2011 às 14:36

Espero que gostes. Eu gostei bastante da do recheio, já a massa não foi completamente do meu agrado, mas é uma questão de gostos.

De joão a 17.03.2011 às 23:40

Adorei a receita, tem um aspecto incrível e bom, sempre gostei de bolos de alfarroba nas minhas viagens ao algarve.. tenho de ver onde vou arranjar a alfarroba..

De Moira a 17.03.2011 às 23:58

João,
A farinha de alfarroba encontra-se à venda em lojas de produtos naturais e também em supermercados e hipermercados que tenham área de produtos dietéticos.

De joão a 18.03.2011 às 01:18

nunca me apercebi.. vou estar atento =) . obrigado!

De moranguita a 14.03.2011 às 12:56

Ei nao sei o sabor que tem porque nunca usei
sei que tenho la em casa um tartee de amendoa que tambem leva esta farinha e quando ma deram substitui por farinha upps nao encontrei esta e foi a muitos anos.
tenho de ver se e igual
esta uma maravilha esta tarte.
beijinho

De Moira a 14.03.2011 às 20:47

Eu gosto muito do sabor da alfarroba conjugado com a amêndoa, para saber se gostas só experimentando.
Bjs

De Ana Rita lebreiro a 14.03.2011 às 12:18

Nunca comi alfarroba nem sei a que sabe... talvez um dia me aventure a experimentar :)
bjs

De Moira a 14.03.2011 às 20:49

Quando quiseres é só dizer, se não encontrares por aí manda-me a morada que eu envio-te um pacote e ainda umas alfarrobas verdadeiras ;)
Bjs e boa semana

De Pami- Unodedos a 13.03.2011 às 08:58

Buenísimo pastel.
No sé si la algarroba se parece al chocolate, siquiera la he probado nunca. No sé si podría encontrar esa harina, pero es más que interesante!

De Moira a 14.03.2011 às 20:43

Hola Pami,
La algarroba solo se parece al chocolate en la color, nada más.
Se quieres probarla, envíame un e-mail con tu enderezo que te enviaré una porción por correos. La puedes usar en muchas cosas distintas pasteles, tartas, cremas, pan, se utilizan apenas pequeñas porciones como si estuvieras a usar cacao o chocolate.

De Gaby a 13.03.2011 às 02:04

Olá Moiraaa!!!!!! quanto tempo que nao venho dar uma visita! nossa, o tempo nao rendeeeee..
Que bonito bolo, e na primeira vista, realmente parece chocolate.
E verdade, e melhor nao dizer nada porque quando nao conhecem algúm ingrediente, se fecham. E o que faco com as criancas, já nao falo nada, só coloco o prato e comem tudo... hahaha...outro día dei tortilha de atúm com aveia, e acharam que era carne.. pronto :)

De Moira a 14.03.2011 às 20:44

Gaby,
É assim mesmo, que a criançada agora é toda muito esquisitinha de boca :)
Beijo e boa semana

De Gina a 12.03.2011 às 13:13

Ganhei a alfarroba da Rute e pude experimentá-la. Realmente, não se parece com chocolate e o primeiro bolo que fiz não ficou lá essas coisas... Mas o segundo ficou muito bom e já publiquei, inclusive.
Como ainda tenho, pretendo fazer um biscoito.
Falar do que se trata influencia as pessoas. Muitas vezes não conto, espero que me perguntem...
Lembra quando falei sobre o nosso famoso arquiteto Oscar Niemeyer e você disse que não conhecia? Publiquei uma de suas obras, o Museu do Olho. É apenas a parte externa, mas ainda pretendo mostrar um pouco mais sobre esse museu qualquer dia:
http://nacozinhabrasil-gina.blogspot.com/2011/03/melhor-nao-inventar.html

Beijos!

De Moira a 14.03.2011 às 20:54

Gina,
Eu fiz uns biscoitos de alfarroba há um tempo: http://tertuliadesabores.blogs.sapo.pt/109745.html
Dê uma olhada pode ser que goste, e claro que pode substituir a amêndoa por um fruto seco mais brasileiro tipo cajú ou castanha do pará que também deve ficar gostoso :)
Na altura que você me falou do Oscar Niemeyer, fui pesquisar e encontri um montão de informação, ele fez coisas fantásticas. Já fui ver a sua postagem para ver o museu do olho (nome engraçado).
Beijo e boa semana

De suzi a 11.03.2011 às 23:16

Adoro bolos de Alfarroba e também já fiz alguns, os meus filhos adoram e sabem que não é chocolate. Concordo que não sabe a chocolate, mas é castanho e doce... uma delícia! Esta tarte tem um aspecto fabuloso! Bjs

De Moira a 11.03.2011 às 23:32

Se adoras de alfarroba, experimenta, é mesmo muito boa, mas eu sou suspeita :)
No caso como vais fazer para os miúdos aconselho a substituir a bebida alcoólica por outra bebida, pois o sabor fica forte demais para as crianças.
Bjs e bom fim se semana

Comentar post


Pág. 1/3



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D