Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Pelo Norte de África

por Moira, em 07.12.10

"No hay mejor viaje que el de la imaginación. Viajemos, pues."

Esta podia ser uma frase minha, mas não é, é da Sónia do Blog A qué saben las Nubes tal como a receita que vos trago hoje

Já todos conhecem o meu fascínio por sabores de outras paragens, viajemos pois até Tanger em busca de novos aromas.

Mas ao iniciarmos esta viagem percebemos logo que ia ser difícil encontrar um dos ingredientes básicos, o Ras el Hanout, no entanto depois de uma breve pesquisa consegui encontrar várias receitas básicas desta mistura de especiarias, todas elas diferentes e a partir das quais criei a minha própria mistura cuja receita se encontra no final deste post.

Espero que apreciem a viagem aos sabores quentes do norte de África.

Frango com Mel e Ameixas Pretas

Ingredientes:

  • 1 frango cortado em pedaços
  • 250 gr de ameixas secas descaroçadas
  • 1 colher de sopa cheia de sésamo tostado (gergelim)
  • 100 gr de amêndoas lascadas
  • 1/2 colher de café de pimenta
  • 1/2 pau de canela
  • 1 cebola muito bem picada
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 1 colher de sopa de “raz el hanout”
  • 1/2 colher de café de canela
  • 2 colheres de sopa de mel
  • 200 ml de caldo de galinha (+/- 1 copo)
  • sal q.b.

Preparação:

Numa frigideira aquecer o azeite com o pau de canela e alourar o frango, adicionar a cebola bem picada e juntar as especiarias e o sal. Regar com o caldo de galinha, e deixar cozinhar em lume brando por uns 15 a 20 minutos.

Juntar as ameixas secas, o mel e as amêndoas e deixar cozinhar por mais 15 minutos tendo o cuidado de mexer de vez em quando para não pegar.

Retirar do lume quando o frango estiver cozido e o molho se apresente cremoso. Polvilhar com as sementes de sésamo tostadas e servir de imediato com cuscuz.

 

A Sónia aconselha como acompanhamento uma salada de laranjas e azeitonas pretas que eu não cheguei a experimentar mas que me deixou muito curiosa, fica para uma próxima vez.

 

Sobre o Ras el Hanout

É uma mistura de especiarias usada por todo o norte de África, nomeadamente em Marrocos, não existe uma combinação específica para esta mistura, cada loja e cada família tem a sua combinação que contém no mínimo uma dúzia de especiarias, mas que pode ter muitas mais.

Uma mistura típica deve conter cardamomo, cravinho, canela, piri-piri (chili peppers), coentros, cominhos, noz moscada, pimenta preta e açafrão das índias, também conhecido por cúrcuma.

Sabendo os ingredientes base e fazendo uma breve pesquisa pela receita do Ras el Hanout para saber qual a proporção de cada um dos ingredientes, criei a minha própria receita com as especiarias que tinha na minha despensa.

Ras el Hanout

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de canela
  • 1 colher de chá de pimenta da Jamaica
  • 1 colher de chá de cominhos
  • 1 colher de chá de sementes de coentro moídas
  • 1 colher de chá de noz-moscada
  • 1 colher de chá de açafrão das índias (cúrcuma)
  • 1/2 colher de chá de pimenta preta
  • 1/2 colher de chá de cravinho
  • 1/2 colher de chá de paprica
  • 1/2 colher de chá de erva-doce

Preparação:

Misturar tudo e guardar num frasco bem vedado em local seco e ao abrigo da luz.

Esta é a versão rápida porque na realidade, para o Ras el Hanout ficar bem feito as sementes deviam ser ligeiramente tostadas e depois moídas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:38


WOOK - www.wook.pt


37 comentários

De Luisa a 10.12.2010 às 11:48

Obrigada pela deliciosa receita. Trouxeram-me há poucos meses Ras el Hanout de Marrocos. Aqui está uma excelente receita para tentar por em prática.

De Moira a 11.12.2010 às 11:29

Luisa,
Já tenho mais uma receitinha marroquina para experimentar.

De Helena a 09.12.2010 às 22:21

Adorei!
Essa mistura de ingredientes é optima, já provei mas nunca a fiz e curiosamente tenho uma receita em espera...
Beijo

De Moira a 11.12.2010 às 11:28

Helena,
Eu tive a minha receita em espera bastante tempo, mas nunca mais me decidia a ir a uma loja e acabei por fazer em casa, só me faltou adicionar o cardamomo, era a única especiaria que não tinha, mas ficou bom para o meu paladar, não sei é se conforme o original.
Beijo

De moranguita a 09.12.2010 às 12:01

estes novos sabores e exoiticos deixam-me sempre bem curiosa com vontade d eprovar
e este frango esta bem apetitoso
beijinhos

De Moira a 09.12.2010 às 14:44

Moranguita,
Há que ter coragem para experimentar comidinhas exóticas, depois habituamos-nos aos novos sabores.
Beijinho

De ana maciel a 09.12.2010 às 08:50

Olá Moira!

Fiz pois! Depois do exercício matinal, no passeio marítimo, pus mãos à obra - só me faltou o cravinho em pó, pois não encontro em nenhuma das áreas comercias que costumo frequentar - Deliciou-nos e trouxe-nos à memória as iguarias já testadas "in loco". Já estivemos por 2 vezes em Marrocos, a 1ª das quais foram 21 dias sem civilização, só fora dos grandes meios - floresta dos cedros, grandes lagos, gargantas do todra, grande duna, etc, - foi uma aventura e tanto. E digo-te que foi onde comemos o melhor peixe frito em toda a nossa vida. Ao subirmos já no regresso, paramos numa aldeia piscatória e fizemos uma refeição com os pescadores - um excelente peixe frito servido em folhas de jornal! Jamais esquecerei o sabor!
Beijo Moira e obrigada pela tua sugestão!
Ana Maciel

De Moira a 09.12.2010 às 14:43

Ana,
Se precisares manda-me a tua morada por e-mail que eu envio-te.
Eu nunca estive em Marrocos, por isso não sei qual o sabor da mistura original mas esta para já satisfez-me apesar de não ter posto o cardamomo.
Nas viagens há coisas que se tornam inesquecíveis, é isso que torna cada uma delas especiais, tenho uma experiência idêntica em Itália, quando dormi numa pensão familiar numa localidade pouco turística, tivemos uma refeição inesquecível de comidinha caseira italiana.
Beijinho

De Bombom a 08.12.2010 às 23:42

Adorava experimentar, mas o marido não gosta de sabores fortes tipo caril. Vou ter de adaptar um pouco sem fugir ao principal!!!
Bjs. Bombom

De Moira a 08.12.2010 às 23:49

Bombom,
Esta mistura de especiarias não tem nada a ver com caril, nem no sabor nem na cor. Claro que podes sempre por menos quantidade de especiarias e o sabor ficará menos intenso, ainda assim esta mistura não tem um sabor forte.
Bjs

De Suny Senabre a 07.12.2010 às 20:43

Una receta extraordinaria, me gusta mucho la combinación de especias y mezcla de sabores.
Besitos,

Suny

De Moira a 08.12.2010 às 23:50

Es buenísima Suny!
Besitos

De Sara L. a 07.12.2010 às 19:09

Eu encontrei o Ras-El-Hanout no DeliDelux em Lisboa e também já comprei uma mistura de especiarias para Tagine da Margão, no supermercado do El Corte Inglés. Mas se um dia me apetecer fazer a versão caseira, já sei qual a receita a seguir ;o)

De Moira a 08.12.2010 às 23:52

Sara,
Confesso que não fui à procura, mas também tinha todos os ingredientes necessários para compor a mistura excepto o cardamomo, e eu não posso ir ao Corte Inglês que venho de lá sempre com mais coisas do que aquelas de que necesito ;)

De Gisela a 07.12.2010 às 17:31

Essa mistura de especiarias deve tornar o prato delicioso, bem ao jeito africano
beijinhos e bom feriado

De Moira a 08.12.2010 às 23:52

De facto ficou na casa um cheirinho a África ;)

De Mayte a 07.12.2010 às 16:07

Absolutamente delicioso...me ha encantado totalmente todo hoy Moira, eres una Reina en la cocina :D

Las imagenes, son para morder con ganas la pantalla!!

Un abrazo.

De Moira a 08.12.2010 às 23:56

Gracias Mayte!
Cuando hacia esta mezcla de especias me recordó una mezcla que hice hace tiempo para un mole poblano ;)
No tiene las mesmas cosas pero tiene muchísimos ingredientes.
Un abrazo

De Ameixinha a 07.12.2010 às 14:10

É também o meu género de receita mas cá em casa ninguém gosta muito de comida agridoce, tenho sempre que fazer para mim, à parte! Receita que tem ameixas secas e especiarias é receita feita para mim :)

De Moira a 08.12.2010 às 23:57

Eu adoro comida agridoce e felizmente que o António também :)
Só se fizeres sem as ameixas e o mel, que acrescentas depois só para ti num tacho à parte.

Comentar post


Pág. 1/2



Fotos no Flickr




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Tradutor



Também estamos aqui

Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram

Instagram


Pinterest

Pinterest


Networked Blogs


Eventos na Blogosfera

World Bread Day

World Bread Day 2016 (October 16) World Bread Day 2015 (October 16)


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D