Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Pão de Maçaroca de Milho com Mirtilos

por Moira, em 01.09.15

Sabem aquelas receitas que olhamos para a foto e ficamos logo com vontade de ir a correr para a cozinha?

Pois foi o que me aconteceu com este Pan de Elote e Arandanos da Mayte, cujo blog acompanho há alguns anos e cujas fotos têm sempre aquele aspecto de super delicioso.

Aqui fica a minha versão, praticamente igual à original e que iluminou o nosso pequeno almoço de segunda-feira.

Parece um bolo mas na realidade é um pão daqueles que se fazem super rápido e que embora parecido com o sabor da nossa broa de milho tem uma textura muito mais suave.

Pão de Maçaroca de Milho com Mirtilos

Pão de Maçaroca de Milho com Mirtilos

Ingredientes:

  • 150 g de milho verde (1 maçaroca de grande ou duas pequenas)
  • 50 g de manteiga
  • 1 colher de chá mal cheia de fermento em pó
  • 1 ovo grande.
  • 50 g de farinha de milho
  • 50 g de mel
  • 1 pitada de sal
  • 100 g de mirtilos frescos (usei congelados)

Preparação:

Lave os mirtilos e reserve-os para a decoração do pão. Corte os grãos de milho da maçaroca para uma taça e descarte o carolo. Coloque o milho junto com os restantes ingredientes no liquidificador e triture até obter uma pasta homogénea.

Unte uma forma de bolo inglês pequena ou pequenas formas de muffins, deite a massa e deixe repousar por 5 minutos. Coloque os mirtilos por cima e leve ao forno quente a 180º por cerca de 25 minutos ou até estar cozido.

Notas: A receita dá para um pão pequeno, no caso de não o comer todo no mesmo dia, guarde no frigorifico para não azedar.

Esta não é uma receita doce, apesar do mel, por isso pode trocar os mirtilos por queijo ou chouriço picados que também deve ficar bom.

Ainda não experimentei, mas desconfio que quando não houver maçarocas de milho podemos usar milho enlatado ou congelado que também deve resultar

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:54

Fácil, Fresco e Pouco Calórico

por Moira, em 17.08.15

Este é daqueles doces que se faz de olhos fechados e com uma perna às costas, não acreditam? Então experimentem!

Pudim de Pêssego - IMG_8350

Pudim de Pêssego, Manga e Iogurte

Ingredientes:

  • 1 lata grande de pêssegos em calda (820g)
  • 4 iogurtes naturais (500 g ao todo)
  • 1 pacote de gelatina de pêssego e manga (90g)
  • 1 lata pequena de polpa de manga

Preparação:

Escorra a calda para um tacho e leve ao lume. Quando ferver, apagar o lume, juntar a gelatina e mexer com uma colher até dissolver a gelatina.

Guardar 3 meios êssegos para decorar o doce e triturar os restantes com os iogurtes.

Adicionar a gelatina mexer bem e deitar numa taça ou numa forma de plástico própria para pudins com fundo amovível.

Deixar solidificar e refrescar durante pelo menos 6 horas no frigorífico.

Desenformar para um prato ou servir na taça, decorado com o restante pêssego fatiado e a polpa de manga.

Notas:

Esta é uma sobremesa pouco doce, pelo que talvez não seja do agrado dos muito gulosos.

Quem quiser fazer com fruta natural as medidas são de 350 ml de líquido e 350 g de fruta descascada e sem caroço.

Receita publicada numa edição antiga da revista Saberes e Sabores que já faço há tantos anos que já está mais que decorada, nem sei porque nunca tinha aqui vindo parar.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:47

Refresco de Tamarindo

por Moira, em 05.08.15

As férias já se foram, pelo menos as minhas, e por onde andei esteve muito calor, um calor abrasador que caracteriza o Nordeste Transmontano nos três meses de Verão que correspondem ao "inferno" do dito popular que descreve o tempo na região como: "nove meses de inverno e três de inferno".

Ora com calor, temos que andar bem hidratados e como já sabem eu não sou muito amiga de beber água, por isso fizemos litros de chás e infusões com e sem fruta e também alguns refrescos como este refresco de Tamarindo, típico de outras terras quentes.

Diz que é popular no México, mas também se faz em Cabo Verde. A receita, mais coisa, menos coisa veio do blog Pizca de Sabor da Karla Hernandez.

Água de Tamarindo IMG_8052

Refresco de Tamarindo

Ingredientes:

  • 150 g de tamarindo
  • 1 litro de água
  • Açúcar, mel ou outro adoçante a gosto (facultativo)
  • Muito gelo

Preparação:

Descasque os tamarindos, retire os veios e as sementes e leve ao lume com meio litro de água, quando levantar fervura deixe cozinhar por cerca de 10 minutos. Apague o lume e deixe arrefecer completamente. Triture a polpa na água onde cozinhou o tamarindo. (Pode usar o liquidificador, uma varinha mágica ou um robot de cozinha). Coe a mistura, junte a restante água, adoce a gosto e sirva com bastante gelo.

Água de Tamarindo IMG_8054

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:11

À vossa saúde ...

por Moira, em 29.06.15

Lembro-me do meu pai sentado no alpendre com o seu copo de gin pousado na mesinha, livro na mão, às vezes concentrado, outras perdido em pensamentos. Era uma espécie de ritual que ele cumpria em muitos finais de tarde quentes e preguiçosos típicos dos países tropicais.

Por cá é moda relativamente recente, a que eu adiro sem qualquer esforço, os dias têm estado quentes e um gin tónico bem gelado ao final da tarde de domigo passou a ser também o meu ritual.

A receita foi inspirada no site Gin Lovers, onde encontra as mais variadas receitas e tudo o mais sobre gin, vale a pena pôr o "olhómetro" de lado e respeitar as proporções.

Gin Tónico - IMG_8012Gin Tónico - IMG_8006

Gin Tónico com Lima, Framboesas e Mirtilos (quantidades para 1 copo)

Ingredientes:

  • 5 cubos de gelo
  • 1/4 de lima
  • 3 framboesas
  • 5 mirtilos
  • 3 bagas de zimbro
  • 50 ml de Gin
  • 200 ml de água tónica

Preparação:

Coloque o gelo no copo e reserve.

Entretanto pegue na lima corte-a em fatias finas, junte ao gelo.

Adicione as framboesas, os mirtilos e as bagas de zimbro.

Verta por cima o gin e por fim a água tónica.

Misture e sirva.

Nota: No meu gin as framboesas e os mirtilos foram congeladas dentro de água nas couvetes do gelo, mas sempre que posso uso fruta fresca.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:52

Diz que é da Costa Rica

por Moira, em 15.06.15

Esta receita encontrei-a no livro das 100 mais famosas receitas do mundo, é um livro antigo e cheio de falhas, talvez por uma tradução menos boa, mas que apesar de tudo tem algumas receitas que nos deixam a babar. Diz que é da Costa Rica e não sei porque nunca a fiz antes, talvez porque na época não seria fácil encontar coco fresco por cá, ou por ter achado que era muito elaborada.

Fi-la para o aniversário de uma amiga e foi muito elogiado, não é um bolo muito trabalhoso, de facto o que dá mais trabalho é partir e ralar o coco, por isso deixo aqui a receita para quem o quiser experimentar.

Bolo de Coco Fresco - IMG_7923

Bolo de Coco Fresco da Costa Rica

Ingredientes:

Para a Massa:

  • 6 ovos
  • 120 g de farinha
  • 100 g de coco fresco ralado
  • 100 g de farinha de trigo
  • 100 g de bolachas raladas (usei Digesta da Artiach)

Para o Recheio:

  • 3 ovos
  • 400 ml de leite de coco (usei light)
  • 150 g de açúcar
  • 45 g de maisena (amido de milho)

Preparação:

Da Massa

Bater as claras em castelo firme e adicionar metade do açúcar.

Bater as gemas com o restante açúcar, adicionar o coco ralado, a farinha e a bolacha ralada, alternando com um pouco de claras batidas. Por fim adicionar as restantes claras batidas e envolver.

Levar ao forno quente a 180º, em forma untada e enfarinhada por cerca de 30 minutos, ou até o bolo estar cozido.

Deixar arrefecer completamente antes de o cortar ao meio para rechear.

Do recheio

Bater os ovos com o açúcar até duplicar de volume, adicionar a maisena e mexer para envolver. Levar o leite de coco ao lume até começar a ferver.

Adicionar o leite de coco quente aos ovos, pouco a pouco e mexendo sempre. Levar de novo ao lume mexendo sempre até engrossar. Retirar do lume, colocar numa taça e tapar com película aderente em contacto com o creme para não criar nata. Deixar arrefecer completamente antes de rechear o bolo.

Montagem do bolo

Cortar o bolo ao meio e rechear com dois terços do creme, colocar o restante creme por cima do bolo e cobrir com o coco fresco ralado.

Notas: 1 coco de tamanho médio é suficiente para toda a receita. Se quiser pode substituir o coco fresco por coco seco ralado, mas o sabor a coco ficará muito mais acentuado, já que o coco fresco, para além da textura aveludada tem um sabor mais suave.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:11

Ovos Verdes

por Moira, em 21.05.15

E por aqui continuamos na onda de receitas para piqueniques.

Desta vez trago-vos uma receita de ovos verdes super simples e que me trás belas memórias.

São servidos?

Ovos Verdes IMG_7910

Ovos Verdes

Ingredientes:

  • 4 ovos cozidos
  • 2 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto
  • 3 colheres de sopa de salsa muito bem picada
  • farinha q.b.
  • 1 clara de ovo ligeiramente batida

Preparação:

Cozem-se os ovos durante 10 minutos, descascam-se e cortam-se ao meio no sentido do comprimento.

Retiram-se as gemas para um prato e esmagam-se com um garfo, adicionar a salsa picada e o vinagre e misturar bem.

Coloca-se a pasta de gemas com salsa na cavidade das claras de ovo e calca-se ligeiramente.

Passa-se cada metade de ovo por farinha e depois por clara de ovo ou se preferir por ovo batido.

Fritam-se em óleo quente de ambos os lados até ficarem dourados.

Notas: Se preferir pode panar os ovos, para isso, depois de passar pelo ovo passa ainda por pão ralado.

Também pode fazer uma versão com atum e maionese misturados na gema e servir assim mesmo sem fritar.

Para mim esta versão frita fica melhor feita de um dia para o outro.

Para a elaboração desta receita usei o novo Vinagre de Vinho Tinto com estágio de nove meses em barricas de carvalho francês que me foi gentilmente enviado pela Adega de Borba.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:29


WOOK - www.wook.pt




tertulianos em linha

Insira o seu endereço de e-mail:

Entregue por FeedBurner




Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram


Follow Me on Pinterest



World Bread Day

World Bread Day 2013 - 8th edition! Bake loaf of bread on October 16 and blog about it!

World Bread Day

World Bread Day 2012 - After Hours Party


World Bread Day

Participações de anos anteriores

World Bread Day 2012 - Roundup Bake Bread for World Bread Day 2011 World Bread Day 2010 - Roundup World Bread Day 2009 - Yes we baked. - Roundup


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D