Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Ovos Verdes

por Moira, em 21.05.15

E por aqui continuamos na onda de receitas para piqueniques.

Desta vez trago-vos uma receita de ovos verdes super simples e que me trás belas memórias.

São servidos?

Ovos Verdes IMG_7910

Ovos Verdes

Ingredientes:

  • 4 ovos cozidos
  • 2 colheres de sopa de vinagre de vinho tinto
  • 3 colheres de sopa de salsa muito bem picada
  • farinha q.b.
  • 1 clara de ovo ligeiramente batida

Preparação:

Cozem-se os ovos durante 10 minutos, descascam-se e cortam-se ao meio no sentido do comprimento.

Retiram-se as gemas para um prato e esmagam-se com um garfo, adicionar a salsa picada e o vinagre e misturar bem.

Coloca-se a pasta de gemas com salsa na cavidade das claras de ovo e calca-se ligeiramente.

Passa-se cada metade de ovo por farinha e depois por clara de ovo ou se preferir por ovo batido.

Fritam-se em óleo quente de ambos os lados até ficarem dourados.

Notas: Se preferir pode panar os ovos, para isso, depois de passar pelo ovo passa ainda por pão ralado.

Também pode fazer uma versão com atum e maionese misturados na gema e servir assim mesmo sem fritar.

Para mim esta versão frita fica melhor feita de um dia para o outro.

Para a elaboração desta receita usei o novo Vinagre de Vinho Tinto com estágio de nove meses em barricas de carvalho francês que me foi gentilmente enviado pela Adega de Borba.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:29

Vamos Piquenicar?

por Moira, em 11.05.15

Quem gosta de piqueniques?

A escolha do local é sua, a receita fica por minha conta.

Arranje uma bebida fresquinha, prepare uma salada, junte estas perninhas de frango e coloque tudo dentro de um cesto de piquenique, mesmo que viva na cidade, tenho a certeza que haverá sempre um jardim por perto.

A receita que vos trago hoje é inspirada numa receita que a minha mãe fazia quando éramos crianças, com a excepção de que ela fritava as pernas de frango e eu opto por as fazer no forno numa versão mais saudável e para comer sem culpas.

Perninhas de Frango Panadas

Perninhas de Frango Panadas (no forno)

Ingredientes:

  • 12 perninhas de frango
  • 1 iogurte natural sem açúcar (usei grego)
  • 2 colheres de chá mal cheias de alho em pó
  • sal q.b.
  • 8 tostas integrais
  • 1 colher de sobremesa de caril
  • 1 colher de sobremesa de Pimentão de la Vera  (pode substituir por colorau ou por paprika consoante quiser mais doce ou mais picante)

Preparação:

Comece temperar o frango com o sal e o alho e envolva todo o frango em iogurte, o frango deve ficar completamente envolto no iogurte. Deixe marinar por cerca de uma hora.

Pique as tostas num robot de cozinha. Na falta dele coloque as tostas dentro de um saco plástico e passe o rolo da massa por cima várias vezes de forma a reduzir as tostas a migalhas. Divida as tostas raladas em duas partes iguais e misture numa o caril e na outra o pimentão de la Vera.

Ligue o forno a 220º. Coloque uma folha de papel vegetal num tabuleiro de forno.

Pegue em metade das pernas de frango e sacuda ligeiramente, apenas para retirar o excesso de iogurte e passe-as por uma das misturas de pão ralado. Proceda de igual forma com as restantes pernas de frango e passe-as pela outra mistura de pão ralado.

Coloque as pernas de frango no tabuleiro e leve ao forno que já deve estar quente, durante cerca de 35 minutos, ou até que o frango esteja cozinhado e se apresente dourado.

Deixe arrefecer, coloque uma tirinha de papel na ponta e ate com um cordelinho, para não ter que sujar as mãos ao comer.

Notas: Quando tiver pão duro, não o deite fora, corte-o em fatias finas, leve ao forno e guarde em caixas depois de frio. Quando precisar de pão ralado é só triturar essas tostas. Isto para não falar que ficam deliciosas barradas com patês ou sardinhas em lata como entrada.

As variações para estes panados são infinitas, em vez do caril ou do pimentão pode misturar no pão ralado, orégãos, ervas de Provença, alecrim, tomilho ou qualquer outra mistura da sua preferência, tendo em conta que sabores mais fortes deverão ser doseados em menor quantidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:36

Broinhas de Mel e Amêndoa

por Moira, em 29.04.15

No nordeste transmontano, os dias passam-se sem pressas, entre muitos passeios e conversas à lareira que o tempo por aqui ainda está fresquinho.

Entre um passeio e outro ainda se arranja tempo para fazer umas broas de mel e amêndoa, que são óptimas para acompanhar um chá ou um café, e se forem gulosos o melhor é fazer a receita a dobrar, que estas broas desaparecem rápidamente.

Broinhas de Mel e Amêndoa

Broinhas de Mel e Amêndoa - Rende 36 broinhas

Ingredientes:

  • 70 ml de mel
  • 70 ml de azeite
  • 70 ml de água
  • 120 g de açúcar
  • 250 g de farinha
  • 2 colheres de chá de fermento em pó
  • 200 g de amêndoa moída
  • 3 colheres de chá de canela moída

Preparação:

Num tacho colocar o mel, o azeite, a água e o açúcar e levar ao lume para aquecer e dissolver o açúcar.

Numa taça grande, misturar a farinha, o fermento, a amêndoa e a canela. Fazer um buraco no meio e deitar lá a mistura de mel, mexer até formar uma bola que se solta da taça.

Com as mãos untadas em azeite, formar bolinhas do tamanho de uma noz, achatar ligeiramente e colocar uma amêndoa em cima, pincelar com leite ou com gema de ovo diluída numa colher de sopa de leite.

Levar ao forno aquecido a 180º em tabuleiro forrado com papel vegetal, durante cerca de 15 minutos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:56

O poder desengordurante do limão

por Moira, em 16.04.15

Isto parece uma frase publicitária para vender detergente da loiça, mas não é.

Os limões são deliciosos em limonadas e outras coisas mais, mas também são um óptimo aliado das limpezas.

Saiba onde e como usar os limões que nesta altura do ano aparecem com fartura.

Outro dia, em conversa com uma colega, dei-me conta de que lavo o micro-ondas sem detergente, sem qualquer esforço e cheguei à conclusão de quem nem todos o fazem da mesma forma, pelo que decidi partilhar algo que não tem a ver com culinária.

Cá em casa utilizo o micro-ondas apenas para aquecer o leite pela manhã, a sopa às refeições e por vezes para fazer pequenas quantidades de compota ou marmeladas.

Mas claro, que mesmo que não lhe dê muito uso, é sempre necessário fazer uma limpeza de quando em vez ou sempre que se justifique, para isso coloque uma taça de pirex com 2 chávenas de água e um limão cortado às rodelas. Ligue o micro-ondas na potência máxima durante 5 minutos. Quando terminar deixe lá dentro a taça por cerca de 5 a 10 minutos sem abrir a porta para não sairem os vapores, ao fim desse tempo retire a taça, passe uma esponja limpa em todo o micro-ondas, seque com papel absorvente e já está.

O aparelho fica com um cheirinho agradável e completamente desengordurado sem que para isso tenha tido que usar detergentes.

Não é uma ideia magnífica?

Outras coisas onde pode usar o limão:

  • Eliminar cheiros do frigorífico, basta deixar um limão aberto ao meio de um dia para o outro para absorver qualquer cheiro.
  • Limpar, eliminar odores e desinfectar as tábuas de cozinha: esfregar a tábua com meio limão de modo a espalhar o sumo por toda a superfície da tábua, polvilhá-la de sal grosso, esperar 15 minutos e voltar a esfregar com o meio limão por cima do sal e em toda a superficie. Depois é só passar por água corrente, limpar e arrumar.
  • Eliminar odores da máquina de lavar loiça, colocar 1 limão cortado ao meio dentro da máquina vazia, fazer um ciclo de enxaguamento e já está.
  • E por fim, saiba que, se tiver limões a mais, pode congelar o sumo em couvetes para usar mais tarde em limonadas ou em sorvetes. A raspa também pode ser congelada para usar posteriormente.

Esta informação foi útil? Comente, partilhe e se souber de mais algum uso do limão diga-me se posso acrescentá-lo aqui à lista.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:08

Tarte de Mirtilos

por Moira, em 27.03.15

Sabem aqueles doces que provamos e nunca mais nos saem da cabeça?

Foi o que me aconteceu com esta tarte. Faz mais ou menos dois anos, que por esta época provei uma tarte destas, na simpática vila de St. Lary, situada nos Pirinéus franceses. E apesar de nunca mais ter comido nenhuma ela não me saiu da memória.

Tentei encontar uma receita, mas nada se assemelhava ao que eu tinha comido, por isso resolvi recriar de memória aquela tarte de massa crocante e recheio aveludado que continuava a povoar o meu imaginário.

Tarte de Mirtilos - IMG_7548

Tarte de Mirtilos

Ingredientes:

Para a Massa (receita de Pierre Hermé)

Para o Creme de Pasteleiro

  • 250 ml de leite gordo (ou 125 ml de leite + 125 ml de natas)
  • 20 g de farinha
  • 1 ovo + 1 gema
  • 40 g de açúcar
  • 1 casquinha de limão

Para a Cobertura

  • 350 g de mirtilos
  •  açúcar em pó para polvilhar

Preparação:

Da massa:

Ligar o forno a 180º.

Bater a vaqueiro com sabor a manteiga à temperatura ambiente com o açúcar até obter uma mistura homogénea, juntar o ovo, misturar bem, depois a amêndoa moída e por fim a farinha.

Formar uma bola, embrulhar em película aderente e guardar no frigorifico por duas horas.

Estender a massa e forrar uma forma de tarte ou várias formas de tartelete, cobrir com papel vegetal encher com feijões secos (o peso dos feijões faz com que a massa não enfole) e levar ao forno aquecido por cerca de 20 minutos, ao fim desse tempo retirar os feijões e o papel vegetal e levar mais 5 minutos ao forno.

Deixar arrefecer, desenformar e reservar.

Do Creme:

Levar o leite ao lume com uma casquinha de limão para aquecer sem deixar ferver, bater ligeiramente os ovos com o açúcar, juntar a farinha e adicionar o leite aos poucos.

Levar esta mistura ao lume, mexendo sempre até engrossar. Retirar o creme para uma taça e tapar com película aderente para não criar nata e reservar até estar completamente frio.

Montagem:

Deitar o creme por cima da base da tarte, colocar por cima os mirtilos e polvilhar com açúcar em pó.

Notas:

Quer a base da tarte, quer o creme podem ser feitos de véspera, já que para a montagem da tarte é necessário que todos os elementos estejam frios.

Para um creme mais rico usar 125 ml de leite + 125 ml de natas.

Em vez dos mirtilos pode usar outra fruta a gosto (morangos, framboesas, ou uma mistura de vários frutos vermelhos) e em vez de polvilhar com açúcar em pó pode pincelar com geleia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:50

Président avec plaisir

por Moira, em 22.03.15

Quem por aqui passa já se deu conta que gosto de queijo, principalmente de entradas ou aperitivos em que o queijo é um dos ingredientes principais, por isso, assistir a uma masterclass com o Chef Jean Charles Karmann, aprender, provar e poder criar uma receita com base nos ensinamentos deste chef é sem dúvida um previlégio que tenho que agradecer à Président.

A ideia para esta receita veio do nº 20 da Yummy Magazine e é da autoria da Émilie do Blog Common Cook, após um mix com uma das receitas do Chef Jean Charles Karmann, o resultado foi esta deliciosa entrada tão rápida de fazer como de comer.

Pera em massa folhada com rondelé de nozes - IMG_7530

Peras em massa folhada com mousse de queijo com nozes

Ingredientes:

2 peras

1 folha de massa folhada

2 colheres de sopa de mel

2 colheres de sopa de vinho moscatel do Douro

4 colheres de chá de Rondelé mousse de queijo com nozes

Preparação:

Leve um tacho ao lume com o mel e o vinho moscatel e deixe fervilhar para misturar os sabores.

Corte as peras ao meio, descasque-as e retire os caroços.

Escalfe as peras no mel durante cerca de 5 minutos, virando-as a meio do tempo.

Retire as peras do mel e reserve até arrefecerem.

Coloque uma folha de papel vegetal num tabuleiro que possa ir ao forno, ponha as peras com a face plana virada para baixo e forre a parte de cima da pera com massa folhada e recorte a massa à volta. Com as sobras de massa recorte pequenas folhas e coloque uma no topo de cada pera.

Leve ao forno quente a 180º durante 10 a 15 minutos.

Retire do forno, deixe arrefecer e sirva com uma colher de sobremesa de Rondelé Mousse de Queijo com Nozes.

_DSC2879

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:51


WOOK - www.wook.pt




tertulianos em linha

Insira o seu endereço de e-mail:

Entregue por FeedBurner




Facebook

Tertúlia de Sabores da Moira

Divulga também a tua página


Instagram


Follow Me on Pinterest



World Bread Day

World Bread Day 2013 - 8th edition! Bake loaf of bread on October 16 and blog about it!

World Bread Day

World Bread Day 2012 - After Hours Party


World Bread Day

Participações de anos anteriores

World Bread Day 2012 - Roundup Bake Bread for World Bread Day 2011 World Bread Day 2010 - Roundup World Bread Day 2009 - Yes we baked. - Roundup


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D